terça-feira, 10 de outubro de 2017

Sem reajuste no Piso este ano, professores de Santana de Mangueira decidem por paralisação


Por Redação da Folha – Um direito dos professores garantidos em lei não está sendo respeitado pela Prefeitura de Santana de Mangueira. De acordo com Francisca Lucena Rufino, presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, o município não cumpriu a lei que estabelece o reajuste do Piso Nacional do Magistério.
            
Conforme ainda Kinha Lucena, como popularmente é conhecida, o caso já foi denunciado ao Ministério Público, mas, até agora, nada foi resolvido. Insatisfeitos com o prejuízo financeiro que estão sofrendo por causa do não reajuste do Piso, os professores, através de sua representação sindical, estão decididos a paralisar suas atividades por um dia em protesto contra a situação.
            
O dia da paralisação ainda não foi definido, mas poderá ocorrer na próxima semana, como meio de alerta à Prefeitura para que o problema seja resolvido, caso contário uma greve por tempo indeterminado não está descartada. “Queremos o cumprimento dos nossos direitos e vamos lutar para que eles sejam respeitados”, comentou a presidente do sindicato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!