sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Vereador de Coremas narra situação dramática do município na atual gestão da Prefeitura

Por Redação da Folha – Em nota encaminhada à redação da Folha, o vereador Laedson Andrade disse que Coremas vive um caos administrativo, com graves e negativos impactos na vida da população, especialmente a mais pobre, e não é por falta de dinheiro, já que, conforme o parlamentar mirim, de janeiro a setembro, a Prefeitura recebeu mais de 16 milhões de reais, quase um milhão a mais do que no mesmo período do ano passado.
            
De acordo com Laedson, o desequilíbrio financeiro tem gerado muitos problemas, entre os quais fornecedores de serviços e produtos, de alimentos a material de construção, sem receber pelo fornecimento, comprometendo ações básicas da Prefeitura. “O que se vê, por exemplo, são escolas da zona rural batendo as portas: merenda de péssima qualidade servida aos alunos e professores sem condições de trabalho”, comentou o vereador, ao lembrar que recentemente até a energia da sede da Prefeitura e de outros órgãos públicos foi cortada por falta de pagamento.
            
Conforme ainda Laedson Andrade, as pessoas estão sem acesso a medicamentos especiais e outros serviços básicos de saúde e até água está faltando nos bairros. Além de tudo isso, a maior parte dos funcionários prestadores de serviço estão com seus salários atrasados, afetando sua própria sobrevivência. “Eu pergunto: o que está acontecendo? Eu mesmo respondo: falta de gestão”, lamentou o vereador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!