quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Pesquisa aponta que paraibanos julgam Cássio “desonesto” e tucano lidera índice de rejeição


O senador Cássio Cunha Lima é o grande rejeitado na corrida atual para o governador do estado com 26 por cento, seguido de José Maranhão com 14,9. Os outros grandes concorrentes João Azevedo, Cartaxo e Romero tem rejeição muito baixa.

Desonestidade é o principal fator de rejeição entre os candidatos às eleições 2018 na PB. A partir desta quarta-feira (06) o Polêmica Paraíba começa a divulgar dados de uma pesquisa feita no fim do mês de agosto em várias regiões do estado, com números para todos os cenários e situações possíveis nas campanhas para o Governo e para o Senado.

Encomendada por um grande partido e visando contribuir com a formação de chapas para as eleições do ano que vem, a pesquisa traz dados surpreendentes e de grande relevância para os candidatos que ainda não decidiram qual cargo irão disputar.

Os primeiros dados mostram quais os motivos que levariam os paraibanos a não votarem em qualquer dos candidatos disponíveis na urna eletrônica. Disparado na frente veio o quesito “desonestidade”, com 37%, seguido pela opção “não gosta/antipático”, em terceiro lugar a opção “não conhece”, com 12% e na quarta colocação o fator “despreparo”, com 9%.

“Por que você não votaria em algum dos candidatos nas eleições 2018?”
1º. Desonestidade – 37%
2º. Não gosta/antipático – 18%
3º. Não conhece – 12%
4º. Despreparado – 9%

Esses dados mostram a preocupação que o paraibano tem com relação a honestidade e corrupção e podem apontar um novo rumo para a vida de políticos ligados a escândalos envolvendo dinheiro público.

A pesquisa foi encomendada por partidos políticos para consumo interno e uma cópia chegou às mãos de um dos repórteres do Polêmica. A pesquisa para governador foi estimulada e foi aplicada em todas as regiões do estado.



As informações são do Polêmica Paraíba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!