sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Juiz faz último despacho antes de sentença em investigação eleitoral em Itaporanga

Por Redação da Folha – Em despacho publicado nesta quinta-feira, 28, o juiz eleitoral Antônio Eugênio determinou a intimação das partes para falarem sobre os documentos juntados durante as diligências na Ação de Investigação Judiciária Eleitoral que apura abuso do poder econômico da chapa eleita no pleito municipal do ano passado em Itaporanga.
            
O magistrado deu o prazo de cinco dias para que os investigados, os denunciantes e, posteriormente, o Ministério Público Eleitoral se pronunciem sobre tudo o que foi coletado e anexado ao processo de investigação eleitoral. As diligências para a coleta de novos documentos foram determinadas pelo juiz após a realização da audiência em que foram ouvidas seis testemunhas de defesa e acusação, no dia 8 de agosto.
           
O despacho desta quinta-feira do magistrado foi supostamente o último antes de sua sentença na investigação eleitoral, que pede a cassação do mandato de prefeito e vice do município. Em decisões recentes, o juiz eleitoral absolveu as prefeitas de Diamante e Boa Ventura em ações de investigação eleitoral por falta de provas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!