quarta-feira, 20 de setembro de 2017

"Façam Uma Criança Feliz"!

O Cesb-Espírita e a Campanha “Façam Uma Criança Feliz”!
(Reynollds Augusto )

Todos nós sabemos que o Cesb- Espírita,  da cidade de Boa Ventura,  nasceu em torno da Evangelização Espírita infanto-juvenil. Esse sempre foi o propósito, preparar a criança e o adolescente para formar o  homem de bem. É isso que o Brasil carece.

 Sempre todos os anos nós, no mês de outubro,  realizamos campanhas junto á comunidade,  para angariar recursos e presentear a criançada do bairro Arsênio Alves, carente de tudo. E tem cada estória.

Esse ano uma novidade,  estamos disponibilizando a conta do Cesb, na Caixa Econômica, para quem quiser depositar alguma quantia, no valor de um brinquedo para doação será bem vindo. Não precisa se identificar. A vida sabe. Deus a causa, tem conhecimento, por ser onisciência e como vivemos no mundo da causalidade, ela, a própria vida, nos compensará, pois o bem que fazemos, “cabra vei” é nosso advogado em qualquer lugar e o amanhã, ninguém sabe.

Eis a conta: Agência: 3571- Op. 003- Conta: 220-6. Caixa Econômica Federal.


Quem é de Itaporanga ou Boa Ventura pode nos procurar e doar presentes usados, que possam ser concertados, bicicletas que já não mais servem e tudo que for possível ser aproveitado. Qualquer presente àquelas crianças será  uma festa. É só falar com Dona Ângela ( 83- 999211710- 999211688- 999662442), que mora ali na Getúlio Vargas ou com  QUALQUER  UM DOS Trabalhadores.

A nossa festa será no dia  22 de outubro, pois na semana mesmo, que comemora o dia da criança, a maioria dos nossos trabalhadores está em Pernambuco fazendo concurso, não sendo possível a presença e essa é uma festa de todos.

Estamos em momento de transição planetária e são muitas as ocorrências dolorosas. Mas, depois da tempestade sempre vem a bonança. O mundo ainda está doente e tem muita gente mais para lá do que para cá. Como  a moeda do mundo dos espíritos, a nossa próxima parada,  é o que sentimos, o que sabemos e o bem que fazemos,  é bom que não percamos tempo, pois todo o resto vai ficar por essas bandas e o dia ninguém sabe.

O bem que fazemos desinteressadamente é instrumento de felicidade em nossas vidas. É ferramenta de evolução.  Vou terminar essas linhas com o apotegma que está exarado mo túmulo de Allan Kardec, em Frances, nas “oropas”:

 “Nascer, viver, morrer, renascer ainda, progredindo sempre, tal é  a lei.

Se avexe, leitor, o dia ninguém sabe.

 PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!