quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Descubra o que elas pensam durante o ato sexual e não têm coragem de admitir

Ao contrário do que diz a crença popular, as mulheres também pensam muito em sexo. De acordo com uma nova pesquisa realizada por psicólogos da Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, elas sonham com algum tema sexual, em média, 19 vezes por dia.

Pesquisa indica que boa parte das mulheres pensam no ex parceiro durante a relação sexual

Mas o que eles realmente pensam durante o ato sexual ? As fantasias são perfeitamente saudáveis, mas você pode ficar chocado ao saber que as mulheres não estão necessariamente pensando nos parceiros quando estão em momentos íntimos com eles.

A pesquisa, que foi divulgada pelo portal britânico “Daily Star”, aponta que um enorme número de mulheres pensam no ex durante o sexo. Talvez esse seja o motivo de 56% delas afirmarem que acham melhor o sexo que tinham com o parceiro anterior.

Desempenho do parceiro
Como se não bastasse, as mulheres estão constantemente comparando os namorados atuais com os amores passados, especialmente quando se trada de desempenho sexual. Mesmo se você é o melhor parceiro que a mulher já teve, ela provavelmente não está pensando em você enquanto alcança o orgasmo, sugere outro estudo mais aprofundado.

O pesquisador da Universidade Rutgers, Barry Komisaruk, estima que aproximadamente 60% das mulheres têm pensamentos intrusivos durante o sexo. Quando estão com um
parceiro estável, por exemplo, é comum que durante a relação a mente delas esteja no trabalho ou em um problema familiar.

Enquanto você pensa que isso é algo desrespeitoso, a realidade aponta que a mente feminina está mais propensa a fantasiar se a mulher estiver estressada. Quando se trata de orgasmo, as mulheres muitas vezes pensam mais em si mesmas do que no parceiro.

Se você quer ter certeza de que você é o melhor parceiro que ela vai ter, siga estas dicas de sexo:

1. Mantenha o simples
Você pode achar que precisa sempre surpreender na cama para agradá-la, mas uma pesquisa realizada pelo próprio “Daily Star” indica que o sexo vaginal é a forma mais comum de fazer 36% das mulheres chegarem ao orgasmo. Receber sexo oral apareceu em segundo lugar com 26% e chegam ao clímax com a masturbação mútua representa 24%.

2. Deixe-a assumir o controle
É importante comandar a situação em alguns momentos, mas você também deve deixar a parceira dominar a situação. Isto é particularmente importante porque a posição sexual que garante o maior número de orgasmos é aquela que a mulher está por cima.

3. Aposte nas preliminares
A pesquisa também indica que a “resistência” e o “tamanho do pênis” até são importantes na cama, mas o vencedor primordial são as preliminares. Então, para apimentar a relação sexual, aposte em atos que antecedem a penetração e garanta que parceira chegue ao ápice do prazer.

Fonte: Deles – iG 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!