segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Plantão policial movimentado com prisões em Igaracy, Coremas e Piancó


Por Redação da Folha – Um plantão movimentado no polo policial de Piancó nesse final de semana com ao menos cinco prisões, duas delas por violência doméstica e as demais por embriaguez ao volante.
            
Em Coremas, na Rua Pelegrino Araújo, centro da cidade, na noite da quinta-feira, 17, um rapaz de 27 anos, que é usuário de álcool e droga, chegou em casa e entrou em atrito com o próprio pai. Durante o confronto físico, o idoso caiu e quebrou um dos pés.
            
Policiais militares foram acionados e prenderam o agressor. Conduzido ao plantão policial, o jovem foi autuado por violência doméstica pelo delegado José Pereira e conduzido à cadeia coremense, mas foi solto no dia seguinte durante audiência de custódia.
            
Também foi autuado por violência doméstica um rapaz de 29 anos morador de uma rua projetada, bairro José Armando, em Igaracy. Foi na madrugada deste domingo, 20, quando o jovem agrediu e ameaçou sua própria mãe, uma mulher de 59 anos.
            
Preso por policias militares, o rapaz foi conduzido ao plantão policial, onde foi autuado em flagrante pelo delegado Pereira, e encaminhado à cadeia de Piancó. O jovem é usuário de
droga e álcool. No entanto, a juiza Lessandra Torres, do plantão judiciário, determinou a soltura do acusado por ele ser primário e de bons antecedentes, mas concedeu medida protetiva em favor da mulher, ou seja, ele não poderá se aproximar da casa de sua genitora. 
            
Um outro jovem de Igaracy também foi preso, mas na sexta-feira, 18, por embriaguez ao volante durante a condução de uma motocicleta. O rapaz, de 23 anos, morador da Rua Padre Aristides, foi autuado em flagrante, depois de preso por policiais militares, mas pagou fiança de meio salário mínimo e foi solto.
            
Já em Piancó, na noite desse sábado, 19, uma colisão frontal entre dois veículos, na Rua Velha, centro da cidade, não deixou ninguém ferido, mas os dois ocupantes, um advogado e um vendedor, terminaram presos por embriaguez ao volante por policiais militares e conduzidos à delegacia.
            
Segundo informações policiais, o advogado conduzia um Fiesta, enquanto o vendedor ocupava uma caminhonete L-200. No choque entre os dois veículos, o carro pequeno ficou bastante danificado, mas o proprietário fez o teste do bafômetro, o que constatou a embriaguez. Autuado em flagrante, o advogado, que mora na cidade, pagou uma fiança de um salário mínimo e vai responder ao processo em liberdade.
            
Pelo outro lado, o vendedor, que reside em Fortaleza, mas esta a trabalho em Piancó, não quis fazer o teste do bafômetro, mas, mas com base em outros elementos de prova, ele também foi autuado por embriaguez ao volante pelo delegado Pereira, e pagou 450 reais de fiança e foi liberado. Na verdade, ele não tinha o dinheiro nem tem família em Piancó, mas um amigo resolveu o problema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!