quinta-feira, 31 de agosto de 2017

IBGE: Itaporanga e mais 9 cresceram; mas dez cidades do Vale perderam habitantes

Por Isaías Teixeira/Folha do Vale - O Vale ganhou 45 novos moradores entre 1º de julho de 2016 e 1º de julho deste ano e sua população atual é de 157.258 habitantes, um crescimento de 0,02%, conforme apurou com exclusividade a Folha com base na mais recente estimativa populacional divulgada nesta quinta-feira, 30, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O aumento foi inferior ao da contagem passada, que cresceu 0,03% em relação a 2015.
               
De acordo com a nova estimativa, houve mais um registro de queda populacional em um grupo dez municípios, mas Itaporanga e outras nove cidades novamente ganharam moradores e contribuíram para o pequeno crescimento de habitantes na região. Em relação aos que reduziram moradores, Olho D’água e Boa Ventura continuam sendo os que mais vêm perdendo gente.
              
A redução de Olho D’água chegou a 66 pessoas, enquanto que, a de Boa Ventura, foi de 61. Também perderam moradores os municípios de Santana dos Garrotes (-43); Santana de Mangueira (-32); Nova Olinda (-27); Ibiara (-24); Diamante (-20); Igaracy (-9); Aguiar (-5); e Curral Velho (-3), que continua com a menor população do Vale.
              
Em relação aos dez municípios regionais que apresentaram crescimento populacional, Itaporanga foi, novamente, o destaque. O município ganhou 168 novos moradores e sua população passou para 24.842 residentes, se mantendo como o mais populoso da região. O segundo aumento absoluto de moradores foi de Piancó: o crescimento foi de 52 pessoas, e o município alcançou 16.091 habitantes, continuando com o terceiro maior contingente regional. O segundo mais habitado do Vale é Conceição, que ganhou 41 pessoas e passou a ter 18.944 residentes. Já Coremas, o quarto mais populoso, teve aumento de oito moradores e sua população chegou em 15.426 pessoas.
           
Também ganharam habitantes os municípios de São José de Caiana (+23); Emas (+21); Serra Grande (+11); Catingueira (+7); Pedra Branca (+3); e Santa Inês (+1).
            
Apesar de pertencerem Região Metropolitana de Patos, a Folha contabilizou a população de Catingueira e Emas ao contingente populacional vale-piancoense em razão desses municípios integrarem a bacia hidrográfica regional.
            
Representação dos quatro maiores – A população conjunta de Itaporanga, Conceição, Piancó e Coremas chegou a 75.303 pessoas e representa 47,8% da totalidade dos habitantes do Vale. Em 2016, a representatividade era de 47,7%; em 2015, de 47,5%; e, em 2014, de 47,3%. Ou seja, o crescimento populacional desses quatro municípios teve o crescimento uniforme de 0,2% registrado nos últimos três anos reduzido para 0,1% este ano em relação ao contingente geral.
             
Ranking populacional do Vale - Segundo a estimativa do IBGE para 2017, a população de cada um dos 20 municípios do Vale, em ordem decrescente, é a seguinte: Itaporanga 24.842 habitantes; Conceição 18.944; Piancó 16.091; Coremas 15.426; Santana dos Garrotes 7.024; Olho D’água 6.512; Diamante 6.550; São José de Caiana 6.279; Igaracy 6.173; Nova Olinda 5.944; Ibiara 5.925; Aguiar 5.562; Boa Ventura 5.349; Santana de Mangueira 5.159; Catingueira 4.934; Pedra Branca 3.803; Santa Inês 3.596; Emas 3.528; Serra Grande 3.100; e Curral Velho 2.517.
             
Números nacionais – A nova população brasileira chegou a 207.660.929 habitantes. Em um ano, o país manteve o aumento de 0,7%, o que corresponde a 1.579.497 moradores a mais. O estado de São Paulo continua sendo o mais populoso do país: cravou em 45.094.866 pessoas. Roraima é o menor, com 522.636 habitantes. Já o município de São Paulo possui, agora, 12.106.920 residentes, também o maior em população do Brasil. Serra da Saudade, em Minas Gerais, se manteve como o município brasileiro de menor população: tem, somente, 812 pessoas morando por lá, três a menos do que a estimativa anterior.
             Números estaduais – A Paraíba cresceu 0,65% e sua nova população é de 4.025.558. Apesar de passar os 4 milhões de habitantes, o estado caiu uma posição e agora é o 14° mais populoso do país, mas continua sendo o 5º do Nordeste (Bahia é o mais populoso com 15.344.447 residentes). João Pessoa continua sendo o município mais habitado do estado: a capital paraibana chegou a 811.598 habitantes. Já Campina Grande, o segundo mais populoso, subiu para 410.332 moradores. No Sertão, Patos se mantém na liderança populacional: está com 107.790 residentes, o quarto maior contingente paraibano. O terceiro mais populoso é Santa Rita, com 136.851residentes. A quinta maior população do estado é de Bayeux, que possui 97.010 habitantes. Foto: Itaporanga continua sendo a cidade mais populosa da região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!