terça-feira, 1 de agosto de 2017

De recesso desde final de maio, vejam quando a Câmara de Itaporanga retornará às reuniões


Por Redação da Folha – A Câmara de Itaporanga retomará suas reuniões ordinárias nesta quinta-feira, 3, depois de mais de dois meses de recesso, que começou no final de maio. O legislativo local tem um dos mais longos recessos do estado: são dois meses no meio do ano e igual período no final do ano, totalizando quatro meses de férias.
            
Para a primeira sessão ordinária do segundo semestre, nada de importante em pauta, apenas alguns requerimentos. Os vereadores de Itaporanga se reúnem a cada oito dias e o subsídio atual que cada vereador recebe mensalmente é 6 mil e 800 reais, o maior da região. Já a remuneração do presidente é dobrada: 13 mil reais, um dos maiores salários de presidente de Câmara do estado.
            
Nos primeiros cinco meses deste ano, a Câmara de Itaporanga movimentou 720 mil reais, a maior parte desses recursos, 504,3 mil, para o pagamento dos 11 vereadores e funcionários. São cinco servidores efetivos e 14 comissionados. Serviços de consultoria, serviços de terceiros (pessoa física e jurídica) e material de consumo totalizaram quase 100 mil reais entre janeiro e maio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!