quinta-feira, 13 de julho de 2017

Em Piancó, doméstica e garçom são presos depois de flagrados com entorpecentes. Ele contesta


Por Redação da Folha – Uma denúncia anônima levou policiais militares da companhia de Piancó a interceptar uma moto em trecho da BR-361 que cruza o sítio Ferrão. No veículo estavam o condutor Santino Ademar da Silva, de 20 anos, e a doméstica Francinete Leite da Silva, de 44, ambos residentes na cidade piancoense.
            
Com eles, os policiais encontraram pouco mais de 100 gramas de crack. Um policial notou quando a mulher jogou a droga no mato, mas a polícia conseguiu encontrá-la. Santino e Francinete foram apresentados à delegacia de Piancó e autuados por tráfico pelo delegado Rodrigo Pinheiro. Ela, que é moradora do Alto Belo Horizonte, foi encaminhada para o presídio feminino de Patos, enquanto o jovem foi recolhido à cadeia piancoense.
            
A droga foi comprada em Itaporanga e seria distribuida em Piancó. Mas o condutor da moto disse que não tem nada a ver com a droga e disse que apenas foi fretado pela mulher para levá-la a Itaporanga e trazê-la a Piancó, argumentando que não sabia que ela transportava entorpecente. Ele declarou que trabalha como garçom, mas também pega frete como mototaxista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!