terça-feira, 11 de abril de 2017

Fim trágico de uma relação breve: homem que matou a ex é encontrado morto em Aguiar

Por Redação da Folha – Três dias depois de matar a tiros a ex-companheira, Maria Aparecida Brasileiro, de 21 anos, dentro da própria residência da vítima, que era mãe de duas crianças pequenas de um relacionamento anterior, o autor do crime foi encontrado morto.
            
Geraldo Maria de Sousa (foto), de 30 anos, foi achado sem vida na noite desse domingo, 9, executado a tiros, na mesma localidade onde cometeu o homicídio, o sítio Riacho Verde, município de Aguiar. Os dois tiveram um relacionamento de apenas um ano e não geraram filho.
            
Segundo as primeiras informações, não há indícios de quem matou Geraldo, mas a polícia não tem dúvidas de que se trata de vingança. Depois de matar a mulher, ele permaneceu entre o sítio Lancha, onde residia, e o Riacho Verde, onde terminou morto.
          
Seu corpo foi encaminhado para exame necrológico em Patos e, depois, entregue à família para o sepultamento. Foi um caso amoroso que terminou trágico: ela se queixava da agressividade do companheiro e, por isso, terminou a relação. Ele não se conformou com o fim do relacionamento e tirou a vida da mulher, mas terminou morto também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!