sexta-feira, 14 de abril de 2017

Em Itaporanga, jovem rural prestes a dar à luz enfrenta dificuldades e faz apelo público

Por Redação da Folha – Mãe solteira e moradora rural, a jovem de 23 anos está prestes a dar à luz ao 3º filho. É uma menina e que vai chegar ao mundo sem muitas coisas, aliás, sem nada, a não ser o calor e o carinho maternos.
                
A mãe, que enfrentou dificuldades na gestação pela falta de recursos para exames e até alimentos, agora olha para o futuro e enxerga ainda mais aperreios: na casa humilde, localizada no sítio Jardim do Baião, está faltando muita coisa para receber a nova moradora, que deverá nascer no começo de maio, mês das mães e de Maria, popularmente conhecida como Maria de Nazaré, uma israelita que viveu há pouco mais de dois mil anos e é carinhosamente tratada como Nossa Senhora, mãe de Jesus.
                
A mãe da criança que está por vir também se chama Maria, mas esta Aparecida. A jovem mãe precisa de um berço, mesmo que seja já usado; necessita também de roupinhas para uma recém-nascida e não precisam ser novas; tem carências por fraldas; e também necessita de alimentos.
                
Quem puder ajudá-la, pode deixar qualquer donativo em sua residência, no sítio Jardim do Baião ou entregar na sede da fundação José Francisco de Sousa, na Av. Padre Lourenço, 392, centro de Itaporanga. Maiores informações, as pessoas podem entrar em contato pelo telefone com uma irmã da grávida: 998381715.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!