segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Juntos perfazem 185 anos de idade e muitas história a contar


Ela completou 92 anos no último dia vinte. Ele completou 93 em abril de 2016. Ela, creio que a única "butadeira d'água" ou aguadeira ainda viva, Chica Caíca, que nos até o início dos anos 60, abastecia, com uma lata na cabeça as pouca residências do Vilarejo.

Ele, Esmerino Lúcio, mas conhecido como Mero, carpinteiro aposentado, quando na ativa foi o segundo na profissão, isto porque o primeiro lugar era reservado a seu pai, Zé Lúcio. 

Neste domingo fiquei uito feliz em promover o encontro destes dois jovens, que entre outras coisas, em uma conversa entre amigos, relembram os tempos de adolescência e Juventude na Itaporanga de antanho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!