sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Nova polêmica na adutora N. Olinda/Itaporanga: problema agora não é água; é energia

Por Redação da Folha – A canalização do sistema adutor Nova Olinda/Itaporanga está pronta desde a última segunda-feira, 16, mas, agora, o problema é outro: na terça-feira, uma equipe da Energisa esteve no local para ligar o transformador que vai alimentar a bomba de captação de água na barragem de Nova Olinda, mas encontrou um problema.
                
Conforme um dos supervisores da concessionária de energia elétrica, em contato com a Folha, o problema é que a estrutura elétrica feita pela Cagepa para receber a energia não foi montada dentro dos padrões técnicos exigidos pela Energisa, impossibilitando a ligação.
                
Segundo ainda o supervisor, assim que o problema foi constatado, a Cagepa foi avisada para resolvê-lo, mas até o final da manhã desta sexta-feira, 20, a Energisa ainda não tinha sido chamada para fazer a ligação elétrica do transformador. “Assim que o problema for resolvido, a gente vai fazer a ligação em caráter de urgência, inclusive esse serviço poderá ser feito neste final de semana porque a gente trabalha em regime de plantão”, disse o supervisor.
              
A obra já dura oito meses e há quase um ano Itaporanga está sem água nas torneiras, um sofrimento humano sem precedentes e um atentado à saúde pública.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!