terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Mais 4 são presos por envolvimento em assalto a vereadora de Piancó e nova revelação sobre caso

Por Redação da Folha – Policiais civis cumpriram nesta segunda-feira, 23, três mandados de prisão preventiva, dois dos quais em Piancó e um em Igaracy, contra dois homens e uma mulher supostamente envolvidos no assalto à vereadora piancoense Christiane Remígio e mais duas amigas dela, fato ocorrido no dia 29 de dezembro passado.
             
Em Igaracy, foi preso Manoel Apolinário dos Santos Júnior, conhecido como Juninho de Apolinário, de 21 anos. Já em Piancó, a polícia prendeu Cícero Augusto da Silva, chamado de Cição, de 18 anos, e sua namorada, Damiana Luiza de Jesus Luz, de 31, apelidada de Damiana Manicure, moradora da Rua Adalberto Lopes Filho, na cidade piancoense. No entanto, todos negam participação no crime.
             
Um quarto mandado de prisão foi cumprido nesse domingo, 22, contra Jonathan Silva Santana, conhecido como Jhoni, de 18 anos, que já se encontrava preso desde o sábado por posse ilegal de arma e confessou envolvimento no assalto juntamente com as pessoas presas nesta segunda-feira, mas inocentou o jovem Geraldo Antônio de Sousa Júnior, de 21 anos, conhecido como Júnior de Arú, que está recolhido à cadeia de Piancó desde o dia do fato.
             
Conforme o que apurou a delegada Sílvia Alencar, responsável pela investigação, teria sido a manicure que passou para o seu namorado que a vítima naquele dia iria receber dinheiro, mas, na hora do assalto, o grupo confundiu-se e pegou a mulher errada: em vez de assaltarem a esposa do advogado e empresário Remígio Júnior, o alvo combinado, eles atacaram a irmã dele, exatamente a vereadora. A confusão pode ter ocorrido porque as duas têm o mesmo modelo de carro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!