domingo, 15 de janeiro de 2017

Governo do RN confirma 27 mortos na Penitenciária de Alcaçuz

Os corpos foram encaminhados para o Instituto de Técnico-Científico de Polícia (Itep) para que seja feita a identificação de todos os presos mortos no motim

   
No final da tarde deste domingo (15), o Governo do Rio Grande do Norte confirmou que vinte e sete presos morreram na rebelião da Penitenciária de Alcaçuz: a mais violenta da história do estado.

De acordo com fontes oficiais, os corpos foram encaminhados para o Instituto de Técnico-Científico de Polícia (Itep) para que seja feita a identificação de todos os presos mortos no motim.

Legistas do Ceará e da Paraíba foram deslocados para ajudar no trabalho de identificação, que contou com um caminhão frigorífico para armanezar os corpos enquanto não acontece a liberação para os sepultamentos.

Segundo informações do titular da Sejuc, Wallber Virgolino, a rebelião começou quando presos do pavilhão 5 invadiram o pavilhão 4. Há separação entre presos de facções criminosas entre os dois presídios.

"Em termos de número de mortes essa é a maior rebelião da história do Rio Grande do Norte", disse.

Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!