domingo, 29 de janeiro de 2017

Filho relata conversa que teve com Teori na véspera do acidente

Francisco Zavascki contou em entrevista ao jornal O Globo que está “bem por fora” das investigações da Aeronáutica


Francisco Zavascki voltou a falar sobre a morte do pai, o ministro do STF Teori Zavascki, que perdeu a vida na queda de um avião de pequeno porte no dia 19 de janeiro, em Paraty (RJ). O advogado conversou com o jornal O Globo e disse que ainda não recebeu informações detalhadas sobre as investigações.

“Confesso que, com relação à Aeronáutica, estou bem por fora. Vamos ser cautelosos. Esperar a conclusão das investigações para eventualmente fazer críticas, para concordar, para questionar por mais investigação”, disse ele ao jornal carioca.

Francisco revelou também que Teori falou com ele sobre as delações da Odebrecht um dia antes da tragédia aérea no litoral Sul do estado do Rio.

“Ele só comentou, na véspera do falecimento dele, que estava muito preocupado em como o país iria reagir daqui para frente. Como seriam as coisas, em função do conteúdo das
delações. Ele estava realmente aflito porque pelo jeito a coisa era muito séria, e é muito séria, e por envolver o poder brasileiro e pessoas de destaque no Brasil”, relatou o filho do ministro, acrescentando que a família tem um certo receio em relação à investigação.

“Claro que a gente fica com medo de, daqui a pouco, se perder o momento de se fazer eventualmente determinadas perícias ou qualquer coisa... ou de alguma influência política. E aqui não estou fazendo acusação nenhuma. Mas é um caso tão extraordinário, tão importante, num momento tão difícil, que para a própria história do país a gente precisa que tudo fique muito claro”, comentou.


Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da matéria... Comenta, vai!