sábado, 5 de março de 2016

JUMENTA FALANTE EM DESTAQUE


Leitor fubânico me enviou um vídeo no qual, segundo ele, estão os 5 discursos mais arretados da nossa prisi-Anta, a afável e gentil Jumenta Falante.

Francamente, eu acho que existem outros coices, quer dizer, outros discursos tão arretados ou bem mais arretados que estes que estão no vídeo abaixo, e que eu dedico a todos que votaram pela reeleição dela.

Os fubânicos que quiserem colaborar, fiquem à vontade pra mandar pra cá mais relinchos da Jumenta Falante.

* * *
“Eu num falei? Atrás de uma criança tem sempre um cachorro”

Veja: ‘Vaza’ vídeo de Lula xingando a Operação Lava Jato ao telefone

Um vídeo gravado pela deputada federal Jandira Feghali (PCdoB) de apoio a Lula saiu pela culatra. Tudo porque, antes que ela fale qualquer coisa, é possível ouvir Lula dizendo “eles que enfiem no cu todo este processo”.

Um vídeo (http://m.extra.globo.com/noticias/lula-vaza-em-video-xingando-operacao-lava-jato-ao-telefone-18813332.html) gravado pela deputada federal Jandira Feghali (PCdoB) de apoio a Lula saiu pela culatra. Tudo porque, antes que ela fale qualquer coisa, é possível ouvir Lula dizendo “eles que enfiem no cu todo este processo”.

O vídeo foi gravado nessa sexta, momentos antes de o ex-presidente ter feito um pronunciamento sobre a condução coercitiva a qual foi submetido. Segundo a deputada, Lula estaria falando com Dilma. Após perceber a gafe, Jandira apagou o vídeo, que havia sido postado na página dela no Facebook. Veja:

Em primeiro plano, Jandira fala: “Estamos aqui, vocês estão vendo a imagem do Lula ali atrás. O Lula tá nesse momento conversando com a Presidenta da República, e nós estamos aqui com ele. E ele tá muito tranquilo, com muita coragem, com muita capacidade de guerrear, muito seguro das suas informações. Estamos aqui no diretório nacional do PT, em São Paulo. Ele vai dar uma coletiva daqui a pouco, nós estamos aqui juntos trabalhando a mobilização do povo.”

A fala da deputada ainda contrasta com a agitação que o ex-presidente demonstra no vídeo, mas que não levou para a frente das câmeras quando se pronunciou oficialmente.

Lula condenou ação da PF

Em pronunciamento, na noite desta sexta-feira, na quadra dos Bancários, em São Paulo, o ex-presidente se defendou de acusações feitas contra ele.

“O que aconteceu foi uma ofensa pessoal a mim, ao meu partido, à democracia e ao Estado de Direito. Eu já dei dois depoimentos este ano e daria mais um. Bastava terem enviado um ofício me chamando para depor. Para responder às mesmas perguntas que me fizeram em Brasília. Eu não sou dono do sítio, não sou dono de apartamento no Guarujá. Então, não adianta eu ficar dizendo que eu não tenho, se eles dizem que eu tenho. Não adianta. alguém vai ter que me dar a chácara também. Eu espero que quando terminar esse processo eu tenha um apartamento e uma chácara que eu não tenho hoje.”

Extra

Confiante nas urnas, pré-candidato a prefeito de Ibiara anuncia seu vice

Por Redação da Folha – Depois de seis mandatos na Câmara Municipal, o vereador Francisco Nenivaldo (PSB - foto) vai enfrentar, nas eleições deste ano, um desafio político bem maior, mas diz que está preparado para seu novo projeto político e confiante nas urnas também. Ele é pré-candidato à Prefeitura de Ibiara pela oposição e a chapa está pronta.

Conforme Nenivaldo, sua pré-candidata a vice é a vereadora Margarida Ramalho, do PMDB. É uma chapa que está saindo de dentro da Câmara Municipal e tem o apoio da maioria do legislativo. Além dos pré-candidatos a prefeito e vice, mais quatro vereadores apoiam o projeto, entre os quais o presidente do parlamento mirim, Valdemar Leite.

Segundo o pré-candidato, seu projeto político está bastante fortalecido pelo apoio de importantes lideranças municipais, a exemplo do atual vice, Nenca Palitot, que rompeu com o prefeito, e do ex-secretário municipal, Walter Quintino, que desistiu de sua pré-candidatura à sucessão para apoiar Nenivaldo. “Além de todas essas lideranças importantes, temos também o apoio do ex-prefeito Nildinho Ramalho e de outras lideranças, o que fortalece nosso projeto”, comentou Nenivaldo.

POLÊMICA! Vídeo flagra Lula falando sobre Lava Jato: ‘eles que enfiem no c* todo o processo’


A deputada Jandira Feghali (PCdoB) estava gravando um vídeo falando sobre a reação tranquila do ex presidente Lula ao processo de investigação da Lava Jato, quando acabou flagrando o petista bastante irritado.

Ao fundo Lula conversa com a presidente Dilma no telefone e diz que “Eles que enfiem no c* todo o processo!”.



Assalto a posto de Ibiara; e acidente com jovem ferido gravemente em Coremas

Por Redação da Folha – Dois fatos policiais marcaram essa sexta-feira, 4, no Vale. No começo da tarde, uma colisão entre duas motos em um cruzamento no centro da cidade de Coremas deixou dois jovens feridos, um deles com gravidade.

O condutor de uma das motos, Teógino Ferreira de Araújo, de 19 anos, precisou ser removido ao hospital regional de Patos devido a uma forte pancada na cabeça, e seu estado clínico inspira cuidados. Já o outro condutor Wennio Alves Nóbrega, de 25 anos, sofreu tão somente escoriações pelo corpo e não precisou de internamento hospitalar.

Já no começo da noite em Ibiara (foto), dois homens em uma moto Broz vermelha e de capacete, um deles armado, assaltaram o posto de combustível Paraíso, de onde levaram a quantia de um mil reais. Rendida e ameaçada, a frentista Ivanise de Sousa Oliveira, de 41 anos, foi obrigada a entregar todo o apurado.

Depois de pegarem o dinheiro, os criminosos fugiram. Policiais chegaram a fazer diligências, mas sem êxito. Este é o quarto assalto no Vale nos últimos dias, incluindo dois em Coremas e um em Piancó, mas este foi resolvido com a prisão dos quatro executores.

Vejam matéria sobre o desfecho do assalto a empresário em Piancó Aqui

Prefeitura de Olho D’água e 4ª CPTRAN promovem projeto “Uma semana transitando com você”. [FOTOS]


“Educai as crianças para que não seja preciso punir os homens”. Essa máxima reflete o objetivo do projeto “UMA SEMANA TRANSITANDO COM VOCÊ”, desenvolvido pelo Comando Pedagógico de Educação para o Trânsito – CPET da 4ª Companhia de Trânsito de Patos. 

A principal meta do programa é garantir que as crianças aprendam desde cedo que a paz no trânsito começa na escola. Idealizado e coordenado pelo atual comandante da Companhia de Trânsito, Tenente Leonides Marcelino, o projeto é desenvolvido através de uma metodologia lúdica, adequada a linguagem infantil para melhorar o aprendizado.

A equipe de policiais é formada por um seleto grupo que, dependendo da cidade e instituição que receberá o projeto, varia entre cinco e dez policiais. Juntos, desenvolvem atividades de orientação nas escolas públicas e privadas nas cidade que compõem a circunscrição da 4ª CPTRAN, através de palestras, esquetes teatrais, paródias, blitz educativas, atividades campais e muitos vídeos educativos.

Nessa semana, entre a terça e quinta-feira, as escolas Júlio Minervivo, Necy Minervino e Antônio Fausto, na cidade de Olho D’Água, receberam os Policiais Militares e toda a gama educacional do projeto. Na quinta-feira foi realizada uma caminhada com vários cartazes e faixas confeccionadas pelos alunos numa amostra de aprendizado e cultivo da paz no trânsito. 

Diretores, professoras, funcionários, todos ficaram encantados com o projeto e parabenizaram a Polícia Militar, através da 4ª CPTRAN, pelo incentivo a ações como essa. 

Mais cidades em 2016 receberão o projeto que gradativamente se molda aos costumes atuais, se renovando e mantendo a missão de educar, instruir nossas crianças para que multipliquem a mensagem e lembrem-se, no futuro, de serem bons condutores.

Para mais informações sobre o projeto, as escolas que pretenderem adquirir essa ação educacional devem enviar um email para: cprm.bptran.4cia@gmail.com e solicitar o UMA SEMANA TRANSITANDO COM VOCÊ.

O projeto teve uma parceria com a prefeitura de municipal de Olho D’água


Ascom 4ª CPTRAN 

Delegado Regional, Glauber Fontes, pede colaboração da população, através do 197, para desvendar crimes

Glauber Fontes lamentou o fato da população não colaborar e garantiu total sigilo para quem o fizer.


Uma ferramenta muito importante para auxiliar à polícia civil a desvendar crimes é o número 197. Através dele, qualquer pessoa pode fazer denúncia e ter seus dados preservados e assegurados pela própria polícia civil. Foi o que explicou o delegado Regional Glauber Fontes, em contato com o portal Vale do Piancó Notícias.

Glauber Fontes lamentou o fato da população não colaborar e garantiu total sigilo para quem o fizer.

“Muitas vezes, as pessoas têm conhecimento sobre determinados crimes, sabem quem são seus autores, mas não colaboram com a polícia. Isso ajuda a manter a impunidade. Nós trabalhamos diuturnamente em prol da ordem pública e da paz na sociedade, mas precisamos que os pensamentos sejam recíprocos e que as pessoas nos ajudem a prender essas pessoas”, explicou o delegado, que lamentou: “ Durante todo esse tempo que estou trabalhando na região só recebi três denúncias através do 197. As pessoas precisam confiar mais na polícia civil, para que juntos combatamos a impunidade”.


O número 197 é muito utilizado nas grandes cidades e tem ajudado muito a acabar com a impunidade. A denúncia leva ao conhecimento da polícia fatos e nomes de pessoas envolvidas em crimes.

Portal Vale do Piancó Notícias

Prefeitura de Emas discute plano de carreira com os professores do município


Professores da rede municipal de ensino de Emas se reúnem no gabinete do prefeito nesta semana e estudaram o Plano de Carreira de Cargo e Salários do Magistério, antes de ser encaminhado à Câmara Municipal pelo executivo. 

Além dos professores, estiveram presentes de forma democrática o procurador jurídico do município, Dr. Marcílio Batista, representantes do Sindicato dos Servidores Municipais de Emas, o Secretário de Administração Eraldo, a Secretária de Educação Soneide e o Secretário de Assistência Social Leonardo. 

A secretária de Educação Soneide informou que a reunião foi bastante proveitosa e servir para dá mais transparência a um projeto tão importante como é plano de carreira e, claro, ouvir as opiniões dos professores

Catingueiraonline 

Esgoto Estourado - POMPEIA NUMA PEINHA DE NADA!


Não é privilégio dos moradores da periferia que convivem diuturnamente com esgotos a céu aberto. No coração da cidade, em plena Avenida Getúlio Vargas, no Mercado Público em pleno dia de feira, ninguém estava aguentando o mau cheiro.

É olhem que desde de quinta-feira ninguém viu ou tomou as providências, nem o pessoal  da Cagepa, muito menos o da prefeitura. É um descaso total. Por isso eu digo: Tá numa peinha de nada, vamos rezar pra chegar a hora do gestor sair e ver se resta alguma coisa, de quem um dia já foi codnominada a Rainha do Vale. Por que agora ela é a cidade mais imunda de todo o Vale.

Valha nos Deus. Tenha misericórdia de nossa querida Itaporanga!


Aquele Que Perseverar Até o Fim Será Salvo

PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO
...................................................................................
Aquele Que Perseverar Até o Fim Será Salvo
(Reynollds Augusto Cabral)

Essa expressão, que está no frontispício desse artigo, precisa ser decodificada. Não gosto muito de usar sinonímias, pois elas sempre confundem o leitor médio, como eu.
Melhor: “Essa expressão que serve de título para este artigo”...
Quando estava na academia o debate pertinente era que os magistrados, juízes, Advogados, operadores do direito- gosto mais de operários do direito – deveriam escrever com menos verniz, sinônimos, linguagem jurídica rebuscada, próprias dos doutrinadores e da jurisprudência qualificada.
É que “Seu Zé e seu Antônio”, lá do sítio deserto, que ganhou o direito, declarado na sentença, não sabe nem para onde vai a decisão. Sabe que ganhou, mas não sabe por que ganhou.
As sentenças, que devem ser eficientemente fundamentadas, parecem mais teses de doutorado. Mas, isso está mudando.
Outro ser que escreve bonito para “dedéu” e que sempre enriquece o meu dicionário é o espírito JOANA DE ANGELIS. A mulher sabe das coisas e perto dela a linguagem jurídica é “feijão com arroz”.
Certa vez perguntaram a seu interprete, DIVALDO PEREIRA FRANCO, o homem que lhe “serve de lápis”, para trazer os seus belos livros da espiritualidade, a oxigenar o nosso pensamento , liquidar com o nosso primitivismo milenar, por que Joana não podia escrever menos difícil? E Divaldo disse que era complicado para ela fazer isso, escrever fácil. A cultura, os conhecimentos das letras são próprios de sua formação e seria mais interessante que nós subíssemos até ela e não que ela descesse até nós.
Nesse caso há uma razão.
Vale aquela expressão: “É fácil escrever difícil, o difícil é escrever fácil”. Isso não quer dizer que você deve escrever com mediocridade.
Mas, leitor, estou divagando, “né” disso que eu quero “escrivinhar”.
É que o “salvo” aqui precisa ser decodificado. Tem relação com a evolução, com o atingir das metas. Perseverar é seguir em frente, não olhar de lado, ter foco, estabelecer diretrizes conscientes para o fim, que é o aperfeiçoamento.
Você persevera quando estuda, sem desvios, para passar no concurso; para conquistar uma vaga na faculdade, completar o que começou....
Se ficares no meio do caminho, você não perseverará , não se “salvará”.
Isso acontece muito no meu ambiente religioso. A turma tem um gás de início, mas não persevera.
Mas eu descobri que é bobagem ficar pensando nisso, a mudança deve ser pessoal e é intransferível. Foi por isso que Jesus disse: "Nem todos que dizem senhor, senhor, entrará no Reino dos Céus. É preciso decodificar isso, também, mas fica para outro momento.
("...)" Marta, andas preocupadas com muitas coisas, mas só uma é essencial ." ( Jesus)
Ele, o nosso mestre, falou sobre isso. Alias ele falou sobre tudo nós é que não percebemos:
(...) E Disse ele: 
Um semeador saiu a semear. E, semeando, parte da semente caiu ao longo do caminho; os pássaros vieram e a comeram. Outra parte caiu em solo pedregoso, onde não havia muita terra, e nasceu logo, porque a terra era pouco profunda. Logo, porém, que o sol nasceu, queimou-se, por falta de raízes. Outras sementes caíram entre os espinhos: os espinhos cresceram e as sufocaram. Outras, enfim, caíram em terra boa: deram frutos, cem por um, sessenta por um, trinta por um. Aquele que tem ouvidos, ouça. (Mateus 13:3-9)

Leitor, nós estamos incluído em uma dessas categorias. Qual é a sua?
“Aquele que perseverar até o fim será salvo”
PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

Estudo indica equipamentos que podem reduzir consumo de água em até 83% na PB


Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade Federal de Campina Grande revelou que a utilização de equipamentos alternativos nos sistemas de distribuição de água, visando minimizar o consumo, principalmente em edifícios verticais, pode reduzir o gasto em até 83,26% ao dia. A pesquisa, que teve como foco o Bairro do Catolé, na Zona Sul de Campina Grande, intitulada “Mecanismos poupadores de água como suporte ao planejamento urbano”, foi realizada pelo arquiteto, professor e pesquisador Marcelo Barros, mestre em Engenharia Civil e Ambiental pela UFCG, com área de concentração em recursos hídricos, em parceria com as professoras Iana Rufino e Lívia Miranda. O levantamento foi publicado na Revista Brasileira de Recursos Hídricos. 

Segundo o professor, que leciona na UFCG e em uma faculdade particular as disciplinas de Projetos e Planejamento Urbano, a ideia inicial da pesquisa foi fazer um levantamento de dados da demanda de água para o bairro do Catolé, ou seja, quanta água aquela área do município consome. O bairro foi escolhido pelo fato de que ele vem sofrendo transformações demográficas nos últimos anos, com a construção de muitos prédios, tornando-se o segundo bairro mais denso de Campina Grande, perdendo apenas para o Pedregal, na Zona Oeste, pois as edificações concentram grande população em um espaço limitado. 

Foi observado que a demanda por água no bairro pode crescer bastante caso a população siga aumentando nas proporções atuais. Portanto, foi avaliado que, em 2010, o consumo diário no bairro foi de pouco mais de 5 milhões de litros. Para 2020 foi estimado o uso de cerca de 7 milhões de litros e, em 2040, 8 milhões.

A pesquisa, desenvolvida durante a realização do mestrado de Marcelo Barros, entre 2011 e 2013, indicou, observando-se obras de 23 edifícios do bairro, que os mais de 80% de economia, conforme citado acima, seriam atingidos por mecanismos poupadores como torneira com arejador, chuveiro com redutor de pressão, bacia sanitária com acionamento duplo, medidores individuais para cada unidade habitacional e reuso de águas cinzas (água utilizada em torneiras e chuveiros em geral das residências, excluindo-se a água usada em vasos sanitários).

“Vimos que só a substituição dos equipamentos desses 23 prédios já poderia representar para o bairro uma economia de 10,42% por dia, mesmo com o restante do bairro sem se adaptar”, revelou o professor, que, militando pela colocação em prática dos resultados favoráveis do estudo, teve a oportunidade de levar a pesquisa para a Secretaria de Obras de Campina Grande, no intuito de incluir os novos aspectos no Código de Obras do município, que à época estava sendo votado, mas os parâmetros sugeridos não foram acatados pelo poder público. O pesquisador, no entanto, não desanima: “Está sendo feita uma comissão para elaborar o Plano Diretor do município. Podemos levar o estudo novamente para uma avaliação”. 

Marcelo explica que uma forma de incentivar os construtores a instalarem os novos equipamentos que, conforme procurou evidenciar, não prejudicam a ‘potência’ hídrica dos suportes já existentes, seria um desconto dado pela gestão municipal no momento em que é requerida a licença de aprovação do imóvel, da qual é cobrada uma taxa. Para isso, a pesquisa dividiu as construções adaptadas em três categorias: A, B e C. Confira abaixo os detalhes de cada uma.

A – Substituição de equipamentos com menor custo: torneiras, chuveiros, vasos sanitários e medidores individuais.

B – Custo intermediário: Toda a categoria A mais o aproveitamento de água da chuva, com a construção de cisternas com sistema de bombeamento, além de sistema de captação pelo telhado através de calhas.

C – Maior custo: Categoria A, mais a B, mais o reuso das águas cinzas, que pode ser feito a partir do incremento de uma mini estação de tratamento, que pode ser instalada durante a construção do prédio, promovendo a filtragem e eliminação de matéria orgânica, proporcionando água para uso em lavagens de terraços, carros e regar plantas, por exemplo. Nesta categoria mais avançada seria possível a economia de 83,26%.

“Os investimentos são retornados com o tempo, através da economia de água. Porém, uma dificuldade que vemos é que há resistência por parte das empreiteiras, pois o construtor gasta mais, mas o consumidor final que se aproveita do gasto menor”, afirmou Marcelo Barros, retomando a ideia de que um desconto progressivo fosse dado de acordo com a categoria do empreendimento (A, B ou C). Ele ressalta também, como forma de convencimento, que a divulgação de edifícios menos agressivos ecologicamente poderia ser uma boa estratégia de marketing para as empresas, atraindo os consumidores para esse novo estilo de habitação.

Diante da dificuldade pela qual passa o Brasil no fornecimento de água para a população, sobretudo na Região Nordeste, que vive longos períodos de estiagem, Marcelo, que admitiu que o interesse dele nessa linha de pesquisa ocorreu em virtude dessa realidade, disse que muitos desses equipamentos ‘poupadores’ podem ser adquiridos no mercado e que há diferentes marcas e valores. As substituições graduais, principalmente em torneiras, chuveiros, também sendo instalados filtros simples, podem gerar economia para o consumidor doméstico e empresarial. 

“A gente tem o costume de não reconhecer a água, principalmente no planejamento urbano. Vivemos em uma região extremamente seca, onde a ocorrência de chuvas é pontual, em um determinado período do ano. Temos que estar preparados para essa realidade”, concluiu o professor, graduado na Universidade Federal da Paraíba e atuante há cerca de 10 anos no mercado da arquitetura, sobretudo em edifícios verticais.

Portal Correio

Penca de deputados e senadores estará em Itaporanga domingo, e não é para discutir calamidade

Por Redação da Folha – Enfrentando grave calamidade em função da falta d’água e da epidemia viral que já infectou milhares de pessoas, Itaporanga será visitada neste domingo, 6, por uma penca de políticos mandatários do PMDB, mas o motivo da visita não é discutir os graves problemas do povo, e, sim, com vistas à eleição municipal deste ano, quando o partido terá candidatura própria à Prefeitura e busca se fortalecer.

Segundo informações, o senador José Maranhão, principal líder estadual do PMDB, e os deputados também da legenda, o federal Hugo Motta, e o estadual Nabor Vanderley, vão participar de um banquete político que marcará a filiação no partido do atual presidente da Câmara Municipal, Neném de Adailton, e do empresário Divaldo Dantas, pré-candidato a prefeito. A presença do senador Raimundo Lira não foi confirmada.

O evento político será no recinto da Câmara Municipal. Todas essas lideranças, além de serem representante do povo e ganharem bem para isso, foram votadas em Itaporanga, mas não têm se manifestado sobre o grave drama enfrentado por Itaporanga em face do colapso hídrico que afeta a população inteira e uma epidemia descontrolada de doenças virais transmitidas pelo mosquito aedes aegypty que tem causado muito sofrimento ao povo, inclusive com registro de óbitos.

PMDB filia ex-prefeita de Piancó, seu filho pré-candidato e Jullys Roberto


O PMDB da Paraíba anunciou na tarde desta sexta-feira, 4, a filiação da ex-prefeita de Piancó, Flávia Galdino e seu filho Daniel Galdino, pré-candidato a prefeito da cidade e que lidera todas as pesquisas. Além dos dois, o PMDB filiou também o suplente de deputado estadual, Jullys Roberto, filho do ex-deputado Márcio Roberto, importante liderança na região de São Bento.

A articulação foi feita pelo senador Zé Maranhão, presidente estadual do partido, junto a ex-prefeita e seu grupo político, além do presidente do PMDB JOVEM, Dhiêgo Amaranto, que tem o interesse no lançamento de candidaturas de jovens em todo o estado.

Daniel Galdino é o primeiro colocado nas pesquisas e tem certeza que com ida para o PMDB, os números tendem a crescer ainda mais. Em 2014 a prefeita Flávia Galdino votou em Zé Maranhão para senador e em Manoel Júnior para deputado federal.

A direção estadual do PMDB vem trabalhando junto a todos os diretórios municipais, filiando novas lideranças, assim como tradicionais, e fortalecendo a legenda com vistas as eleições municipais deste ano. O objetivo é manter o PMDB como o maior partido do Estado e fortalecer a legenda para as disputas de 2018, quando o partido deve lançar candidato a presidente da República.

Diamante Online com Hora do Vale

05 de março - Aconteceu em Itaporanga


Ademar Soares nasceu no Sítio Cantinho no município de Misericórdia, aos cinco dias do mês de março de 1928, sendo o quarto dos oito filhos do Senhor Moisés Inácio de Araújo e Dona Maria Soares. Desde sua infância trabalhou na área da agricultura e ainda jovem chegou a trabalhar no alugado (como falava-se na época), prestando serviços também no plantio de fumo com o fazendeiro Belmiro Pinto. 

Casou-se com a senhora Ana Rodrigues Soares, construindo uma bela família onde teve cinco filhos, três homens: Leonardo, Ademarzinho e Lailton e duas mulheres: Lourdinha e Aninha. 

Como todo sertanejo acima de tudo é um forte, com Seu Ademar não seria diferente. Para sustentar essa família com dignidade, trabalhava na roça, ou seja, na agricultura durante a semana e aos sábados trabalhava de barbeiro, com o passar dos tempos foi observando que sendo barbeiro a sua renda melhorava cada vez mais, preferiu deixar o sitio e vir morar na “rua”, para dar uma condição de vida melhor aos seus filhos, a exemplo dos estudos, e assim o fez, vindo residir na Rua Marquês do, hoje Manoel Medeiros Maia.

Dedicando mais ainda na profissão de barbeiro ao lado do seu irmão, Francisco, conhecido por Chico. Trabalharam juntos por varias décadas na esquina do mercado público. Sempre dedicado ao trabalho conseguiu comprar algumas propriedades e imóveis na cidade, ficou conhecido por Ademar Barbeiro.

Fez parte da sociedade desta cidade, grande conselheiro, muito sério, porém, com um coração enorme e bondoso, umas das maiores reservas morais de Itaporanga, muitas pessoas o procuravam para seguir suas orientações e devido ser um homem bem visto pela população, era sempre procurado pelos políticos que por aqui passaram, sempre respeitado por qualquer lado político e em certo tempo se envolveu na política ha pedido dos amigos, sendo eleito vereador por dois mandatos e Presidente da Casa Adauto Antonio de Araújo, junto com Carlos Alberto Ferreira e lvanó Araújo nos anos de 1963 a 1969.

Foi eleito vereador pela primeira vez, nas eleições de 11 de outubro de 1964 a 1968, quando era presidente da câmara Valdomiro Araújo de Lima e prefeito o Sr. Sinval Mendonça, tendo como vice-prefeito Paulo Costa Lima. Nesta época, os vereadores não recebiam salários e sem um pagamento por sessão, que era chamado de “Jeton”.

No dia 02 de setembro de 1965, Ademar Soares apresentou o Projeto de Lei n°. 41/65, autorizando o prefeito a conceder à Firma Comercial MS Arruda Bandeira & Cia, a isenção completa de impostos e taxas municipais, inclusive, de energia elétrica, pelo prazo de dez anos, para a instalação e funcionamento de uma fábrica de fubá de milho, macarrão, coloral, torrefação de café e sal. 

Na sessão do dia 18 de fevereiro de 1966, registrou sua insatisfação pelo não pagamento dos Jetons aos vereadores, que, segundo ele, já somavam uma quantia de quarenta e oito mil cruzeiros, correspondente a 16 (dezesseis) sessões, não pagas, pelo prefeito.

Seus pares na primeira legislatura foram: Valdomiro Araújo Lima, José Zú Figueiredo, Djacir Sinfronio, José Manoel de Sousa (Zé Vigó), João Inácio de Araújo, Felinto Saturnino, Edval Figueiredo e Francisco Diassis Firmino. 

Eleito novamente em 15 de novembro de 1982, legislou de 1983 a 1988, para um período de seis anos, porque houve prorrogação, sendo eleito no dia 31 de janeiro de 1983, presidente da câmara foi depois substituído pelo vereador Carlos Alberto Ferreira (Carlinos), e pelo primo e colega de profissão Ivanó Araújo. Era prefeito de nossa terra o Dr. João Franco da Costa e o vice o Sr. José Barros de Sousa, o grande fotógrafo. 

Foi o autor do projeto que requisitou a 3ª Ciese, a implantação de um posto policial para o Conjunto Chagas Soares, este posto funcionou durante alguns anos, mais a muito tempo foi desativado. Quando no dia 29 de novembro de 1986, o vereador Natercio Maia Barbosa pediu ao prefeito a contrução de um mercado público no Conjunto Chagas Soares, Ademar votou conta e, justificando o seu voto, disse que era, em sinal de protesto, pelo fato de o vereador Natércio haver votado contra a Proposta Orçamentária do Município, para o ano de 1987. 

Já em no dia 29 de abril de 1988, a câmara aprovou,  Projeto de Lei, de autoria do vereador Ademar Soares, reconhecendo de utilidade pública, a Associação dos Advogados do Vale do Piancó ­ ASSADVAP, fundada, no dia 11 de outubro de 1987, com sede, na cidade de Itaporanga. Não se sabe quanto tempo durou esta associação, ou se ao menos chegou a funcionar, o certo é que atualmente ela inexiste.

Ademar participou ainda dos oito meses e quinze dias da administração de Murilo Bernardo, que assumiu a prefeitura, depois que o prefeito Dr. João Franco teve o seu mandato casado. E foi dele a propositura, dando o “Titulo de Cidadão” ao intevento, titulo esse que até hoje não foi entregue. Após o segundo mandato ele se afastou da política, mas foi ainda, comandante de grupos políticos.

Foi também Presidente do Atlântida Esporte Clube e fundador do “Poeirão” na época do Presidente do clube, o Senhor Heleno Feitosa Costa. 

Seu Ademar, ajudou a aposentar muitos produtores e produtoras rurais em nosso município, sempre ofereceu os documentos aos mais necessitados como, por exemplo, os INCRA de suas propriedades rurais, chegando até ser advertido pelo INSS e Padre Zé (in memoriam), porém, ele dizia que se fosse preso por ajudar a quem tem necessidades, correria esse risco, pois não iria preso sozinho; para tanto Padre Zé passou a lhe dar razão e acompanhar o seu raciocínio e nunca deixou de ajudar aos pequenos produtores como também nunca foi preso por sempre fazer o bem. 

Ademar era tão ligado ao seu irmão Chico, que quando o seu irmão morreu ele saiu daquele local e foi trabalhar em uma das suas casas na Avenida Getúlio Vargas, dividindo o espaço com seu filho Ademazinho até o seu último dia de trabalho. Ele perdeu sua esposa Dona Ana, a mãe dos seus filhos, no ano de 2006 e Deus observando aquele homem dedicado aos princípios da ética, da moral e dignidade religiosa, coloca em sua vida a Senhora Janete Araújo para ser sua segunda esposa, amiga e anjo de guarda até o seu último suspiro de vida.

Do Livro Polidores Da Pedra – Volume IV 
De Paulo Rainério Brasilino

* * *

Falecimento do Sr. Antônio Alves Pereira Sobrinho, ocorrido, no dia 05 de março de 1989. Antônio Pereira foi secretário municipal. Carinhosamente chamado de Careca, folião dos velhos carnavais.

Na sessão do dia 05 de março de 2005, a pedido do vereador José Valeriano, a câmara aprovou votos de aplauso ao Grupo Musical Clã Brasil, Grupo formado por Zé Badú, esposa e filhas, conterrâneos que enobrecem e engrandecem Itaporanga, destacando-a no cenário musical da Paraíba e do Brasil.

Na sessão do dia 05 de março de 2005, o vereador Saulo advertiu as autoridades para o problema de poluição por que vem passando o “Rio Piancó” e sugeriu a realização de uma sessão especial, com outras câmaras do Vale do Piancó e com autoridades em geral, com o objetivo de discutir e encontrar uma solução que pusesse por fim à poluição do rio, cujas águas já se acham impróprias para o consumo humano. Ou seja, há onze anos, o vereador itaporanguense, já se preocupava com o maior esgoto a céu aberto do Vale e talvez da Paraíba, o nosso velho Rio Piancó, que segundo alguns, já perdeu completamente a sua identidade, passando a ter a denominação rio Piranhas-Açu.

Unip abre inscrições para Vestibular com 460 vagas em 26 cursos de graduação


BACHARELADOS E LICENCIATURA - GRADUAÇÃO

Superiores tradicionais
Administração
Artes Visuais
Ciências Biológicas
Ciências Contábeis
Ciências Econômicas
Geografia
História
Letras - Licenciatura em Português
Letras - Licenciatura em Português/Inglês
Letras - Licenciatura em Português/Espanhol
Matemática
Pedagogia
Serviço Social
Sociologia

SUPERIOR DE TECNOLOGIA
GRADUAÇÃO

Superiores menor duração

Agronegócio
Análise e Desenvolvimento de Sistemas
Gestão Ambiental
Gestão Financeira
Gestão da Tecnologia da Informação
Gestão de Recursos Humanos
Gestão Hospitalar
Gestão Pública
Logística
Marketing
Processos Gerenciais
Segurança no Trabalho

INFORMAÇÕES / INSCRIÇÕES:
83 3451-2836 / 83 3452-1203 / 83 99350-3333 / 83 99806-3333 /
www.unip.br/ead/

Taxa de inscrição por apenas R$ 30,00. Agende Já seu Vestibular e faça parte da MAIOR e MELHOR do BRASIL!

 Assessoria

PODEROSO E ECONÔMICO REMÉDIO CASEIRO PARA COMBATER ESPORÃO DE CALCANHAR


Se fôssemos fazer uma seleção com as piores dores físicas de um ser humano, certamente a dor do esporão de calcanhar estaria na relação.
Ela é terrível, sem nenhum exagero.
E, o pior, é que o tratamento para esta doença é difícil.
Mas o doente de esporão não pode desanimar diante de tantas frustrações com tratamentos malsucedidos.
Ele tem que persistir, acreditar na cura.
E confiar nos tratamentos caseiros.
Eles são baratos e eficientes, mais até do que alguns caríssimos tratamentos que não resolvem nada.
Hoje vamos provar isso mais uma vez.
Vamos ensinar um excelente tratamento caseiro para esporão.
Se você tem o problema, faça e comprove a eficácia dele.
Se não tem, ajude a quem tem, divulgando este maravilhoso tratamento.
Ele é supersimples.
Você só vai precisar de dois ingredientes.
E esses ingredientes são bem baratos e encontrados com facilidade.
Quais são?
Sal grosso e cloreto de magnésio.
Este certamente é o tratamento mais fácil e econômico para esporão.
Só não faz quem realmente não quer.
Veja o que você vai fazer.
Todas as noites, vai pegar uma bacia com água e acrescentar 3 colheros (sopa) de sal grosso.
Vai lavar os pés com essa água.

NÃO JOGUE FORA ESSES SACOS! ELES PODEM SER MUITO ÚTEIS (SAIBA COMO)

Sabe aqueles saquinhos de silica que vêm em caixas de sapato ou em alguns frascos com comprimidos?


Todo mundo jogo aquilo fora como se fosse algo inútil.
Mas não é bem assim.
Branco ou amarelo, não importa!
Os saquinhos de silica têm muitas funções.

Veja:
1. Mantêm sua mochila e seu material de treino secos
Estes saquinhos absorvem a umidade.
Então você pode colocá-los juntos com os equipamentos de treino (como tênis e meias), pois isso vai impedir a proliferação de bactérias.
Além disso, eles removem o mau cheiro.
2. Conservam melhor a maquiagem
Por causa da umidade, muitas maquiagens perdem a validade mais rápido.
Mas, graças aos saquinhos de silício, você pode preservá-las – basta colocar um saquinho dentro da sua caixa de maquiagens.
. Melhoram o cheiro das roupas lavadas
Ninguém gosta daquele cheiro de “guardado” que fica nas roupas limpas, não é mesmo?
Sabe como você pode resolver isso?
Coloque os saquinhos com o gel de silica nas gavetas do armário ou no guarda-roupa.
Assim, os saquinhos especiais vão afastar a umidade e o mau cheiro, principalmente das roupas que ficam muito tempo sem serem usadas.
4. Recuperam o celular danificado pela água

Já pensou que notícia maravilhosa?
Muita gente já derrubou o celular na água e não conseguiu recuperá-lo depois.

Coloque sobre o celular entre 4 ou 5 saquinhos de silica para que eles absorvam a umidade e deixem seu aparelho bem sequinho.

fonte:http://www.curapelanatureza.com.br/post/02/2016/nao-jogue-fora-esses-sacos-eles-podem-ser-muito-uteis-saiba-como -  www.curapelanatureza.com.br

sexta-feira, 4 de março de 2016

Dupla armada assalta posto de combustível em Ibiara

O assalto ocorreu, por volta das 18h, desta sexta-feira(4).


Dupla armada assalta posto de combustível em Ibiara

Uma dupla armada e usando uma moto Broz de cor vermelha, assaltou um posto de combustível, na cidade de Ibiara. O assalto ocorreu, por volta das 18h, desta sexta-feira(4).

D acordo com informações preliminares do Copom da 2ª Companhia de Polícia Militar, a dupla chegou de surpresa e anunciou o assalto. Em seguida, os dois fugiram na moto.

A polícia militar foi acionada e se encontra em diligências, na tentativa de localizar e prender os assaltantes.

Este é o segundo assalto no intervalo de duas horas na região do Vale do Piancó. Por volta das 16h, uma dupla, usando fardas da Energisa, também assaltaram a agência dos Correios na cidade de Catinguiera. Até o momento ninguém foi preso.

Volte mais tarde e saiba mais informações.

Portal Vale do Piancó Notícias

Tecladista foi vítima de assalto a mão armada em Piancó


Dois indivíduos na tarde de ontem 02 de Março de 2016 por volta da 13:30 hs abordaram o tecladista J Cláudio e seu companheiro ambos da cidade de Piancó, próximo a cidade de Catingueira na extremidade que da acesso ao açude do cego, segundo as informações de uma das vítimas, os elementos estavam de cara limpa, um dele usava boné e estava com uma arma em punho (revolver) e seu parceiro usava camiseta vermelha.

Ainda de acordo com as informações da vítima, os dois elementos saíram do mato e ordenaram que parasse a moto e não olhassem para trás se não os matariam, em seguida J Cláudio e seu Carona foram levados para o matagal onde sofreram várias ameaças de morte.

Após a sessão de ameaças os elementos recolheram os pertence de uma das vítimas “J. Cláudio” Seu celular moto G1, documentos de sua moto HONDA CB 300 de cor preta Ano e modelo 2010 placa NQK 9960 Malta PB. Licenciada no nome de Tiago Nunes Merques e mais uma quantia de R$ 600,00 (Seiscentos Reais em Dinheiro).

De acordo com as informações da vítima, os elementos falaram que usariam a moto como ajuda para cometer um homicídio de um militar  e em seguida abandonariam no Bairro Bivar Olinto da referida cidade.


Após a prática do furto as informações da vítima apontam que os dois elementos fugiram com a moto e seus pertences rumo à cidade de Catingueira, nada mais a fazer o tecladista J.Cláudio procurou a delegacia de Polícia e prestou um BO do caso ocorrido.

Palestina Online

José Nêumanne Pinto / Denúncia de Delcídio contra Dilma é verossímil

Superior Tribunal de Justiça nega pedido de Habeas Corpus e mantém decisão do TJPB a prefeito de Coremas a seis anos de prisão. Veja!

O prefeito está no cargo, mas a decisão do tribunal é perda do mandato e perda dos direitos políticos do gestor.

Prefeito da cidade de Coremas, Sertão da Paraíba
O Ministro Francisco Falcão, presidente do Superior Tribunal de Justiça recusou o agravo em recurso especial em defesa do prefeito da cidade de Coremas, Sertão da Paraíba, Antônio Carlos Cavalcanti (PSDB), em fevereiro deste ano. A condenação foi por apropriação de recursos públicos.

Os advogados do gestor público entraram com pedido de Habeas Corpus no mesmo mês, porém, também negado nessa quinta-feira (3), pelo Ministro Ericson Maranho, Desembargador convocado do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Com a rejeição dos recursos, o STJ manteve a condenação imposta pelo Desembargador Arnóbio Alves Teodósio do Tribunal de Justiça da Paraíba, a pena de reclusão de seis anos, mais perda do mandato eletivo e inelegibilidade de três anos.

“Declaro a perda do cargo e a inabilitação para exercício de cargo ou função pública, eletivo ou de nomeação, pelo prazo de 05 (cinco) anos, sem prejuízo da reparação civil do dano causado ao patrimônio público ou particular”, diz a decisão.


De acordo com a decisão do TJ, o prefeito Antônio Carlos respondia por dois processos, um deles de abastecimento de veículo (Caçamba), que não prestava serviço a prefeitura. Em cada processo, que foi da gestão de 1997, o atual prefeito pegou três anos de reclusão.
“Deixo de substituir a pena privativa de liberdade por restritivas de direitos, porque o réu não preenche os requisitos do art. 44 do CP”. Declarou o relator do TJ. O acórdão deve ser publicado nessa segunda-feira (7).

DIÁRIO DO SERTÃO