sábado, 7 de junho de 2014

Bando que aterrorizou o município de Princesa Isabel é preso pela polícia de Pernambuco


A polícia prendeu na madrugada desta sexta-feira (06), por volta das 03h00, os assaltantes que praticaram um verdadeiro terrorismo no município de Princesa Isabel, localizada no Sertão paraibano, a 352 km de João Pessoa.

O fato aconteceu no dia 20 de maio de 2013, quando quinze, conforme a polícia, homens fortemente armados e encapuzados, invadiu a cidades, assaltaram duas agências bancárias, queimaram um veículo, trocaram tiros com a polícia e fugiram com reféns.

A população viveu naquele dia, horas de horrores e a notícia foi destaque nacional.

Após levantamento realizado pelo Serviço de Inteligência da 7ª Companhia da Polícia Militar do Estado de Pernambuco, foi desencadeada uma operação em conjunto com equipes do GATI e Malhas da Lei da Policia Militar e Policia Civil dos municípios de Santa Maria da Boa Vista e Cabrobó, que chegou ao desfecho final com a efetuação da prisão dos bandidos.

O ato se deu através de um Mandado de Prisão e de Busca e Apreensão expedidos pela Juíza, Anna Paula Borges Coutinho, em desfavor de vários elementos pertencentes à quadrilha suspeita de vários assaltos a bancos e a carros forte na região do nordeste, dentre eles, o assalto ocorrido no Estado da Paraíba, no município de Princesa Isabel-PB, bem como, o assalto a uma Agencia dos Correios na cidade de Cedro-PE, ocorrida no ano passado.

Portal Correio

Marqueteiro do PT planeja overdose de Lula na TV

Estratégia de João Santana é colar a imagem do ex-presidente em Dilma Rousseff, aproveitando o potencial de transferência de votos do líder petista, estimado em 60% segundo pesquisa Datafolha divulgada na sexta-feira (6); sempre que possível, Lula e Dilma têm aparecido juntos em eventos púbicos, como no encontro regional do PT do Rio Grande do Sul; durante o evento, o petista comentou o desalento da população detectado pelo Datafolha, dizendo que o boicote da grande mídia faz com que a juventude não conheça sequer 30% das realizações do governo Dilma


247 - Mago das campanhas petistas, o marqueteiro João Santana pretende inserir o ex-presidente Lula diariamente nos programas de TV de Dilma Rousseff destinados à propaganda partidária. Pesquisa Datafolha aponta que o líder petista é o principal cabo eleitoral do Brasil, com potencial de transferência de votos na casa dos 60%.

O comando da campanha de Dilma não pretende impor restrições à estratégia de João Santana, diferentemente do que aconteceu em 2010, quando a participação do ex-presidente foi limitada para não passar a ideia de que a então candidata Dilma era tutelada por ele.

Lula e Dilma já têm aparecido juntos em eventos públicos sempre que possível. Nesta sexta-feira (6), os dois líderes participaram do 21º Encontro Estadual do PT do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, ao lado do governador Tarso Genro e do ex, Olívio Dutra.

O ex-presidente criticou a cobertura presidencial da grande mídia, a quem creditou a falta de conhecimento da juventude sobre os avanços ocorridos no país nos últimos 11 anos. “Eu vou chamar a atenção de uma coisa que está acontecendo nesse país: eu acho que por conta do tratamento que a imprensa tem dado ao governo, o povo brasileiro não sabe 30% do que o governo da presidenta Dilma está fazendo.”

O Datafolha revelou, além do alto grau de pessimismo com a economia, desalento recorde da população. O total de eleitores que não sabe em quem votar e os que pretendem votar branco ou nulo ou em nenhum candidato chegou a 30%, o maior patamar desde 1989.

Obras da transposição na região de Cajazeiras reduz mão-de-obra exportada para São Paulo

Com a intensificação das obras da transposição do Rio São Francisco nas regiões de Mauriti, estado do Ceará e São José de Piranhas e Cajazeiras, na Paraíba, a empresa de construção civil, a Queiroz Galvão continua admitindo trabalhadores para as obras, reduzindo assim, a mão-de-obra que era levada para o sudeste do país, especialmente para o "Corte de Cana".

De acordo com informações da empresa repassadas ao Radar Sertanejo, centenas de trabalhadores da Paraíba, Ceará e Pernambuco que viajavam para o corte de cana no interior de São Paulo conseguiram emprego nas obras da transposição e abandonaram o canavial açucareiro.

O agricultor, Antonio de Bião, que mora em São José de Piranhas disse que conseguiu um emprego e desistiu do trabalho nas usinas paulistas. “Estou bem demais aqui, aqui estou em casa, estou com minha família toda hora, Graças a Deus nem penso mais em cortar cana".

No trabalho da transposição, os cargos mais solicitados são os de pedreiro e carpinteiro. Muitos desses profissionais deixaram de fazer diárias para particulares e estão empregados na obra. 

Por outro lado, há denúncias de trabalhadores de Cajazeiras e São José de Piranhas que não conseguiram emprego, dando conta que a empresa está empregando mão-de-obra outros estados brasileiros.

O assunto foi alvo de debate na Câmara Municipal de Cajazeiras este ano, onde os vereadores exigiram explicações dos responsáveis da empresa.

diáriodosertão

APÓS CRÍTICA DE BARBOSA, OAB FARÁ ATO DE DESAGRAVO A ADVOGADO

Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal fará na próxima terça (10), uma sessão de desagravo público ao advogado José Gerardo Grossi; seccional avalia que ele foi injustamente criticado pelo ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal, por ter oferecido emprego no seu escritório ao ex-ministro José Dirceu, condenado na Ação Penal 470



A Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal fará na próxima terça-feira (10/6), às 19h, uma sessão de desagravo público ao advogado José Gerardo Grossi. A seccional avalia que ele foi injustamente criticado pelo ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal, por ter oferecido emprego no seu escritório ao ex-ministro José Dirceu, condenado na Ação Penal 470, o processo do mensalão.

Em maio, Barbosa avaliou que presos em regime semiaberto só podem deixar a prisão quando cumprirem um sexto da pena. Além disso, ele declarou em decisão monocrática que a oferta de trabalho feita por Grossi consistia em “uma mera action de complaisance entre copains [ação entre companheiros, em tradução livre], absolutamente incompatível com a execução de uma sentença penal”. O ministro disse que não faria sentido deixar um preso ficar em escritórios de advocacia, que têm a prerrogativa de inviolabilidade.

“É de se indagar: o direito de punir indivíduos definitivamente condenados pela prática de crimes, que é uma prerrogativa típica do Estado, compatibiliza-se com esse inaceitável trade-off entre proprietários de escritórios de advocacia criminal? Harmoniza-se tudo isso com o interesse público, com o direito da sociedade de ver os condenados cumprirem regularmente as penas que lhes foram impostas?”, questionou Barbosa. “O exercício da advocacia é atividade nobre, revestida de inúmeras prerrogativas. Não se presta a arranjos visivelmente voltados a contornar a necessidade e o dever de observância estrita das leis e das decisões da Justiça”, completou.

Para o plenário da OAB-DF, as declarações do presidente do STF “acabaram por atingir a dignidade profissional do nobre advogado José Gerardo Grossi”, cuja intenção foi apenas “colaborar para a ressocialização de pessoa condenada, a fim de propiciar a sua reinserção no seio da sociedade”. O desagravo público ocorre quando advogados são ofendidos no exercício de suas atribuições e quando o episódio tem relevância e repercussão nacional, conforme o Regulamento Geral do Estatuto da Advocacia.

“Todos os advogados do Distrito Federal se sentiram ofendidos com a atitude indevida do ministro”, afirma o presidente da OAB-DF, Ibaneis Rocha Barros Junior. “O Dr. Grossi tem postura ética e não merecia ser agredido.”

Sem surpresa
Questionado pela revista Consultor Jurídico se havia ficado surpreso quando leu a decisão do ministro, Grossi disse que “nada no Joaquim Barbosa surpreende”. Ele afirmou que não provocou a OAB-DF e que a acusação de acordo foi “profundamente injusta”, pois ofereceu serviço a uma pessoa que queria exercer o direito ao trabalho.

Na época da decisão, o advogado declarou em nota que lamentava o fato de o ministro ter confundido “um ato de generosidade, a meu sentir compatível com a lei”, com um arranjo irregular. “Logo ele que, já ministro do STF, foi meu cliente e que, por isto, sabe — ou devia saber — que não sou advogado de complacências ou cumplicidades.”

Grande festa em praça pública, nesse sábado, celebra 4º aniversário de emissora de rádio, em Conceição


Neste sábado (7), a emissora Conceição 91 FM, completa seu quarto aniversário com uma programação toda especial. À noite, várias atrações musicais fazem a festa em frente à sede da própria emissora.

A 91 FM caiu na graça da população, em decorrência dos serviços prestados, feitos de forma séria e responsável em sua programação.

(Veja a programação)

Trabalhos de ajuda comunitária se tornaram o ponto forte da emissora, durante estes quatros anos.

Foram várias campanhas humanitárias feitas na emissora, em prol de pessoas carentes da comunidade, explicitando assim, um dos pontos referenciais, que são celebrados pela rádio.

Dona de uma programação dinâmica, atrativa, de um jornalismo sério e competente, a 91FM se tornou presença certa em mais de 80% dos lares do povo da cidade de Conceição. Cada integrante da equipe da 91FM carrega com competência e amor os ósseos de seu ofício, que é dá o seu melhor para que a emissora seja também a melhor, a mais querida, a mais ouvida e a mais respeitada de toda região. É uma grande família unida, em prol de atender a expectativa salutar de toda a comunidade.

De acordo com Alexandre Braga, que é o proprietário da emissora, a edificação do empreendimento foi seu maior feito, foi seu maior benefício para a comunidade, uma vez que a emissora caminha de “mãos dadas” com a população, exercendo o verdadeiro papel do meio de comunicação. Para ele, a possibilidade de ajudar, indiscriminadamente, as pessoas é algo que não tem preço e somente tem que agradecer ao Criador do Universo por essa maravilha em sua vida.

Gilberto Angelo/Portal Vale do Piancó Notícias

Prefeitura de Itaporanga bota a leilão 17 veículos, um deles com apenas 3 anos de uso

Leilão ocorreu na manhã desta sexta-feira



Por Redação da Folha – A Prefeitura de Itaporanga está se desfazendo de grande parte de sua frota. A maioria dos veículos postos à leilão já não estava sendo utilizada, embora alguns deles tenham poucos anos de uso. São carros de passeio, caminhões, vans, tratores, caçamba, caminhonetes e três motocicletas. Ato todo 17 veículos, além de dois reboques, um trailer carroça e sucatas.

O leilão foi realizado na manhã deste sábado, 7, em uma área em frente ao cemitério local. O dinheiro arrecadado com a venda dos veículos deverá ser utilizado pela Prefeitura para adquirir carros novos, mas o que chama atenção é que um dos automóveis posto à leilão tem apenas 3 anos de uso: é uma Ducato 2011, cujo valor do lance inicial foi de 18 mil reais.

Apesar do pouco tempo de uso, a Ducato já está sem o motor. Isso mostra a má conservação dos veículos oficiais, o que significa um desperdício de dinheiro público. O carro é comprado caro e, com pouco tempo depois, devido à depreciação, vendido por um preço inexpressivo. Seis outros veículos leiloados têm apenas 7 anos, e também já estão sucateados. 

Helicóptero cai a mata ídolo do internacional, Fernandão, e mais 4 pessoas

O ex-atacante Fernandão, um dos maiores ídolos da história do Internacional e do Goiás, morreu por volta das 1h deste sábado, em Goiás, 

aos 36 anos. Fernando Lúcio da Costa voltava de sua casa em Aruanã, cidade no interior para a capital, localizada a 315km de distância. Além de Fernandão, estavam no helicóptero e não sobreviveram mais quatro amigos: Edmilson de Souza Leme (vereador de Palmeiras de Goiás), Antônio de Pádua, Lindomar Mendes Vieira (funcionário da fazenda) e o piloto, identificado como Milton Ananias.

- Infelizmente, é verdade. Fui o primeiro a saber. Me ligaram às 5h da manhã. Estavam ele e mais quatro amigos (no helicóptero), todos faleceram. É uma lástima - disse o presidente da Federação Gaúcha, Francisco Novelletto.

Segundo a Polícia Civil, a aeronave levantou voo da fazenda que pertencia a Fernandão por volta de 1h e foi encontrada sobre um banco de areia (uma pequena praia de água doce), às margens do rio Araguaia. O local do acidente fica a 15km do centro de Aruanã. O ex-jogador chegou a ser levado para o hospital da cidade, mas faleceu pouco depois. 

- O corpo dele é o único está no hospital. Os demais morreram no local do acidente. Nessa época é muito comum acampamento às margens do Araguaia, mas trata-se de uma região cujo acesso é mais comum por helicóptero ou barco. Provavelmente, ele chegou ao hospital socorrido por barco - declarou o delegado Norton Ferreira, chefe de comunicação da Polícia Civil de Goiás. 

Nascido em Goiânia, Fernandão, revelado pelo Goiás, viveu suas maiores glórias no Colorado. Ganhou duas vezes o Campeonato Gaúcho e foi um dos principais nomes na conquista da primeira Libertadores do Inter, vencida em 2006. No mesmo ano ainda levantou o troféu de campeão do Mundial de clubes da Fifa. Foi capitão durante a maior parte de seus quase cinco anos de Inter.

Estreou com a camisa colorada em 10 de julho de 2004, quando Internacional e Grêmio travaram o GreNal de número 360. Começou com o pé direito, já marcando seu nome na história do clube ao fechar o placar em 2 a 0, fazendo o gol de número 1000 da história do clássico. A partida foi válida pelo Campeonato Brasileiro. (veja vídeo ao lado do gol 1000)
Foi um dos mestres de cerimônia da reabertura do Beira-Rio, realizada em 5 de abril. 

Ele já havia liderado a festa pela conquista da Libertadores de 2006, empunhando microfone e gritando a plenos pulmões os principais gritos da torcida colorada.


Fernandão pendurou as chuteiras em 2011 vestindo a camisa do São Paulo. Ainda defendeu os franceses Olympique de Marselha e Toulouse e o Al-Gharafa, do Catar. Tornou-se dirigente e posteriormente treinador do Colorado. Em ambas as funções não teve muito sucesso. 

O ídolo iniciava nova carreira. Estreou como comentarista do Sportv no último dia 25, quando o Internacional foi derrotado por 3 a 1 pelo Cruzeiro. Faria parte do time do canal durante a Copa do Mundo

globoesporte

TCE divulga lista com mais de 600 gestores com 'ficha suja

Um total de 625 gestores públicos da Paraíba estão inelegíveis para as eleições desse ano por terem tido contas julgadas irregulares.

A lista com os nomes foi encaminhada, nesta sexta-feira (6) pela Corregedoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) ao Ministério Público Eleitoral.

No documento estão 1.067 registros, alguns casos se referem a mais de uma prestação de conta de um mesmo gestor.

Lista abaixo:
Esse total de contas julgadas irregulares é referente ao período de 5 de julho de 2006 a 5 de junho desse ano. Na lista aparecem 250 prefeitos e ex-prefeitos, com 516 ocorrências de irregularidades; e outros 375 gestores, com 551 registros de irregularidades, entre presidentes de Câmaras Municipais, secretários, presidentes de Institutos de Previdências, e outros ordenadores de despesa.

Segundo a Lei Complementar 135/2010, conhecida como Lei da Ficha Limpa, os gestores que tiveram suas contas rejeitadas por irregularidade insanável e por decisão irrecorrível do órgão competente ficam impedidos de concorrer nas eleições que se realizarem nos oito anos seguintes. Esse prazo é contado a partir da data do julgamento.


O número de 625 gestores ainda deve crescer.De acordo com o corregedor do TCE-PB, conselheiro Fernando Catão, as listas da 1ª e da 2ª Câmaras serão antecipadas para o próximo dia 10 de junho, a previsão era para o dia 17. Já no dia 5 de julho será encaminhada uma listagem complementar, levando em conta os processos julgados até aquela data, tanto pelo Tribunal Pleno, bem como, pelas Câmaras Deliberativas.

O conselheiro Fernando Catão informou que a lista dos gestores foi encaminhada ao procurador Regional Eleitoral, Rodolfo Alves Silva. As informações serão inseridas no Sistema de Contas Eleitoral do Ministério Público Federal (Sisconta Eleitoral), criado para receber e processar nacionalmente as informações de inelegibilidade.

Jornal da Paraíba

Ridículo!


Sem Palavras. Assista ao video. Óleo de peroba nele!

São João pode ser, mas não eu pagando


Diga aí, amigo velho, se é justo o Governo do Estado abrir a porta do cofre e gastar dinheiro com o São João de Campina Grande ou de qualquer outra cidade do Estado. São João é festa, é forró, é cachaça, é povo dançando, se esfregando, se lambuzando, se divertindo e, por conseguinte, é coisa que faz quem quer. Não carece de ajuda oficial.

Criticar o Governo do Estado por não distribuir dinheiro público com o São João de Campina, como estão fazendo, é no mínimo dos mínimos um exercício de cinismo. Dinheiro público não é batata doce que a gente encontra na feira e compra a preço de banana. É coisa séria, que deve ser empregada em causas mais nobres do que essa causa do forró e da vaidade de alguns campinenses coroados que desejam, com o São João, galgar postos acima dos limites permitidos.

Se querem promoção, façam por merecer, sem, no entanto, atirar com a pólvora alheia.

Todo mundo sabe que o São João de Campina Grande deixou de ser o acontecimento público partido do povão para se transformar em fonte de riqueza de alguns. Faz alguns anos que os promotores do evento vendem o São João a empresas particulares, que impõem a sua marca e administram a festa como propriedade particular.

No ano passado, o campinense e os demais festeiros foram obrigados a beber a péssima Pirassununga ( ou terá sido51?), as duas piores cachaças do Brasil, simplesmente porque as ditas cujas bancaram o evento, patrocinaram os lucros e preservaram os ganhos. Sobrou para o povo, como sobrou agora de novo, com novas restrições e conhecidas imposições.

Com a coisa funcionando assim, direcionada para o bolso de uma minoria, não se justifica a injeção de dinheiro público no evento. Melhor que se virem e diminuam seus lucros.O dinheiro do povo merece respeito e deve ser empregado em coisas mais úteis. Nunca em forró, em festa junina e em requebros mal-ajambrados.

Tião Lucena

Humilhação a doméstica gera R$ 5 mil de indenização por danos morais

Uma doméstica que sofria humilhações e era chamada de burra e incompetente pela sua patroa, inclusive na frente de outras pessoas, vai receber indenização por danos morais.

A decisão é da Segunda Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região, que reformou decisão de 1º grau para minorar o valor da indenização de R$ 10 mil para R$ 5 mil.

A empregada narrou na inicial que foi contratada para trabalhar como doméstica em 1999, mas que teve a carteira assinada apenas em 2002 e foi dispensada sem justa causa em junho de 2013.

A doméstica afirmou que, além de ter sido chamada de burra e de outras palavras pejorativas, também presenciou essa situação de humilhação com outros funcionários. Os patrões não compareceram na audiência inaugural e a juíza da 14ª VT de Goiânia, Lívia Prego, aplicando a revelia, considerou verídicas as afirmações e condenou os reclamados a pagarem indenização por danos morais no valor de R$ 10 mil.

Já no 2º grau, os patrões alegaram que não foram corretamente citados na audiência inaugural, e que por isso a sentença seria nula. Defenderam que a correspondência de citação foi entregue pelo porteiro a uma pessoa que à época não mantinha mais relação de emprego com eles. O relator do caso, desembargador Breno Medeiros, analisando o pedido de nulidade da sentença, afirmou que esta depende de prova robusta, o que, segundo ele, não ocorreu nos autos. O magistrado afirmou que a correspondência foi regularmente entregue ao porteiro do prédio onde residem os reclamados, procedimento correto nesse tipo de situação. Além disso, os patrões não esclareceram porque essa terceira pessoa teria recebido a correspondência em nome dos reclamados, já que a sua relação de emprego havia terminado.

Ante a revelia aplicada, deve ser mantida a condenação indenizatória por danos morais, pois tal situação descrita implica em ofensa à honra e imagem da pessoa, bens protegidos pelo ordenamento jurídico, concluiu o desembargador-relator Breno Medeiros. Dessa forma, a Segunda Turma presumiu verdadeiros os fatos narrados pela trabalhadora e manteve a condenação indenizatória por danos morais, porém no montante de R$ 5 mil.

Processo: 0011515-13.2013.5.18.0014

Paulo Souto

Apreensão de carro roubado em Itaporanga; e de maconha na cidade de Piancó

Fatos desse sábado


Por Redação da Folha – Aproximadamente 200 gramas de maconha foram apreendidos por volta das 16h dessa sexta-feira, 6, na saída de Piancó para Patos, mas a apreensão só ocorreu porque o acusado bateu com sua motocicleta em uma viatura da Polícia Militar que passava pela BR-361 em direção à cidade piancoense. Possivelmente ficou nervoso ao avistar a polícia e perdeu o controle do veículo.

Depois da colisão, que ocorreu em frente a um posto de combustível, os policiais revistaram o condutor da moto, Pedro Avelino Soares Filho, conhecido como Pedrinho, de 26 anos, e encontraram a droga com o jovem, que nunca havia sido preso. O rapaz reside na Rua José Tomas dos Santos, em Piancó, e foi conduzido à delegacia local para o procedimento do flagrante.

Já em Itaporanga, na noite também dessa sexta, policiais militares apreenderam no sítio São João, município local, um veículo Gol branco, 2011, placa ERI-5018, de Frutal, Minas Gerais. O carro, que estava em posse de um homem que bebia com amigos na comunidade rural, apresentava registro de roubo.

Depois de apreendido, o carro foi conduzido para a delegacia de Itaporanga para os procedimentos cabíveis. O homem com quem estava o veículo não foi detido, mas se comprometeu em se apresentar à delegacia para esclarecer o fato. A princípio, ele alegou que adquiriu o veículo sem saber que se tratava de veículo furtado. 

Advogado fica doido ao saber que sua namorada estava sem calcinha

Segundo informações da Policia, o advogado Adriano Stuart Lúcio Pereira da Silva, estava no restaurante com sua esposa ou namorada e quando soube que a moça não estava usando a peça intima “Calcinha” ficou enfurecido e já saiu do ambiente quebrando tudo. Ainda no estacionamento jogou seu veiculo contra outro, pegou o extintor de incêndio jogou em outro carro e saiu batendo seu carro em quem visse pela frente. 

 A ocorrência foi registrada na Delegacia de Plantão em Mossoró por volta de meia noite de sábado para dominado ultimo e o gesto transloucado do advogado começou em um restaurante e terminou próximo ao Teatro Dix Huit Rosado na Avenida Rio Branco no Centro de Mossoró. 

Vestibular 2014.2 - UFPB Virtual


Edital/PRG/nº. 24/2014 – Ingresso de Graduados para os Cursos de Graduação da UFPB, na Modalidade a Distância (UFPBVirtual)

A Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Federal da Paraíba torna público, através do presente Edital, que no período das 10h00 do dia 09 de junho às 23h59m do dia 13 de junho de 2014, estarão abertas as inscrições para o Processo Seletivo de Ingresso de Graduados para os cursos de graduação da UFPB, na modalidade a distância (UFPBVIRTUAL), período letivo 2014.2.

O Formulário específico para inscrição encontra-se disponível endereço www.ufpb.br/selecaoufpb o qual deve ser preenchido e entregue no Polo de Apoio Presencial cuja vaga o candidato pleiteia.

Para acessar o edital completo, CLIQUE AQUI

Processo Seletivo de Ingresso de Graduados

Revista Playboy divulga capa de Patrícia Jordane a morena que encantou Neymar

Revista Playboy divulga capa do mês de junho, com a ex-affair do jogador Neymar


Revista Playboy divulgou nesta sexta-feira(06), a capa da ediçao do mês de junho, estampada por Patrícia Jordane. a morena que é ex-affair do craque Neymar. Patrícia, tem 21 anos e um corpo cheio de curvas, que encantará a todos na edição que estará em breve nas bancas. Nesta sábado(07), o Paparazzo apresentará o ensaio que a gata fez para o site.


Por RN EM REDE

Hospital Alemão Oswaldo Cruz recruta diabéticos tipo 2 para pesquisa


O objetivo é entender os benefícios da cirurgia bariátrica naqueles que lutam diariamente contra a hiperglicemia. Os participantes precisam ter diabete tipo 2 há no máximo 15 anos, apresentar um índice de massa corporal (o famoso IMC) entre 30 e 35 kg/m² e já manifestar neuropatias e sintomas de complicações renais e na retina decorrentes da doença. Em contrapartida, o estudo realizará a cirurgia bariátrica nos participantes e eles serão acompanhados até 2015 para avaliar se as consequências do diabete vão regredir depois do procedimento. 

Ficou interessado? Para se candidatar, basta mandar um e-mail para obesidade@haoc.com.br.


Conheça o peixe que estampa a capa da edição de maio, eleito um dos melhores do Brasil para turbinar sua saúde: http://bit.ly/TqXNyW

Curta nossa animação e adquira a sua edição, ainda nas bancas e no iba http://abr.ai/1jRokKO

sexta-feira, 6 de junho de 2014

TJ condena 19 ex-prefeitos a reclusão por improbidade administrativa e ex-de Princesa está no meio


Francisco Gilson Mendes Luiz, de Nazarezinho; Dorgival Pereira Lopes, Serra Redonda; José de Arimatéia Anastácio Rodrigues de Lima, Evardo Herculano, de Lagoa Seca; Inácio Roberto Lira Campos, de Camcimba de Areia; Fernando Araújo Filho, de Soledade; Ivan Olímpio dos Santos, de São Bentinho; Francisco Andrande Carreiro, ex-prefeito de São Bentinho; Elson da Cunha Lima Filho, de Areia; Marcus Antonius Brito, de Alagoinha; Erasmo Quintino de Abrantes Filho, de Lastro; Saulo José de Lima, de Frei Martinho; Francisco de Assis Maciel Lopes e José Maciel da Silva, de Queimadas; José Ronaldo Martins de Andrade, de Itatuba; Robério Andrade de Vasconcelos, de Zabelê; José Sidney Oliveira, de Princesa Isabel; Frederico Antônio Raulino de Oliveira, de Juazeirinho, e Hércules Sidney Firmino, de Água Branca, são os 19 ex-prefeitos condenados pelo mutirão do Tribunal de Justiça que investigaram crimes de improbidade administrativa praticados por ele quando no exercício do poder.

Além deles, foi condenado, com pena maior, os ex-prefeito de São Bentinho, Francisco Andrade Carreiro, que teve a maior pena aplicada que foi de 10 (dez) anos de reclusão.

O grupo especial é formado pelos juízes João Batista de Vasconcelos, Jailson Shizue Suassuna, Fábio José de Oliveira Araújo, Diego Fernandes Guimarães, Claudio Pinto Lopes, Algacyr Rodrigues Negromonte, Manuel Maria Antunes de Melo, Keops de Vasconcelos Amaral Vieira Pires e Hugo Gomes Zaher, que é coordenador pelo juiz Aluizio Bezerra Filho e que tem como gestor da Meta o desembargador Leandro dos Santos.

O trabalho desenvolvimento alcança todas as comarcas do Estado que importa na tramitação prioritária desses processos e o julgamento do que se encontra regularmente instruídos.

Todos os “santinhos” acima relacionados foram condenados a penas que variam de 1 a 10 anos de reclusão.

Tião Lucena

O Beco Voltou!

 Há exatos sete meses (dava pra nascer um menino) fizemos nossa última postagem e mesmo assim, mantemos uma média de 15 visitantes por dia, o que, segundo o site Alexia.com nos deixa na confortável posição do 384, na frente do famoso setecandeiros (http://www.blogsetecandeeiroscaja.blogspot.com.br/) e de muitos blog conhecidos do Vale do Piancó, como você pode ver no print abaixo:



Só temos que agradecer a audiência  de nossos fiés internautas e dizer que vamos atualizar o site, sempre que possível.

www.obecodofuxico.com

Aluna do 7º ano foi o destaque na Avaliação Sistemática da Escola Monteiro Lobato

Avaliação aconteceu no mês passado


Por Redação da Folha – Objetivando medir o desempenho de alunos e professores para reparar possíveis deficiências, a Escola Monteiro Lobato, através do Sistema Ari de Sá (SAS), realizou a chamada Avaliação Sistemática que envolveu o Ensino Fundamental II e o 1º e 2º anos do Ensino Médio da escola.

As provas foram aplicadas no dia 24 de maio passado e o resultado saiu dias depois. A aluna com o melhor desempenho da escola Kawhana Laurindo de Lima (foto), estudante do 7º ano. A avaliação é feita nas escolas do Sistema em todo o país e, em nível nacional, ela ficou entre os primeiros 41 alunos em um total de 4.576 estudantes avaliados. Sua média geral foi 7,33.

O estudante com a segunda melhor colocação foi Klistenes Lima Leite, do 1º ano do Ensino Médio. O concurso permite avaliar o aluno de forma geral e também por disciplina, possibilitando verificar as deficiências dos alunos em cada área e, a partir daí, também avaliar o desempenho dos professores.

Também sobre avaliação, no sábado e domingo passados, dias 31 de maio e 1º de junho, os alunos do 3º ano do Ensino Médio da fizeram o 2º simulado do Enem nos preparativos para o exame que á principal porta para o ingresso no ensino superior.

O 3º e último simulado antes do Enem será nos dias 20 e 21 de setembro, momento que os estudantes do Monteiro Lobato já estarão na reta final de preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio. 

Benéficio a Cultura

Para um legislado, o maior legado que ele pode deixar para posteridade, são os Projetos de Leis de sua autoria. é por essa razão que me sinto ditoso em saber que alguns dos meus Projetos Leis, hoje são Leis em nosso município. E um deles é esse que transcrevo nas alíneas abaixo. 


ESTADO DA PARAÍBA
CÂMARA MUNICIPAL DE ITAPORANGA
(Casa Adauto Antônio de Araújo)
GAB. VEREADOR HERCULANO PEREIRA SOBRINHO

PROJETO DE LEI Nº. DE, 11 DE SETEMBRO DE 2010.

ASSEGURAM AS BANDAS, GRUPOS E MUSICOS LOCAIS, 30% (TRINTA POR CENTO) DOS RECURSOS DESTINADOS A CONTRATAÇÕES DESSE GÊNERO, POR OCASIÃO DAS FESTIVIDADES TRADICIONAIS DESSE MUNICIPIO.

O PREFEITO CONSTITUCIONAL DO MUNICÍPIO DE ITAPORANGA, ESTADO DA PARAÍBA, FAÇO SABER QUE A CÂMARA MUNICIPAL DE ITAPORANGA, APROVOU E EU SANCIONO E PROMULGO A SEGUINTE LEI:

Art. 1º. – Fica, assegurado as Bandas, Grupos e Músicos locais, 30% (trinta por cento) dos recursos a serem destinados a contratação de Bandas, Grupos ou Músicos, por ocasião das festividades desse município.

§ 1º. – Do total dos recursos destinados à contratação de Bandas, Grupos e Músicos, por ocasião das festividades realizadas nesse município, no mínimo 30% (trinta por cento) deverão ser destinados a Contratação de profissionais local, conforme o art. 2º. Dessa Lei.
§ 2º. – em caso de recursos oriundos de verbas federais, específicos para esses fins, no Edital de abertura do processo licitatório, deverá constar que, a Empresa, Banda, Grupo ou Musico ganhador da licitação, terá que destinar 30% (trinta por cento) do valor do contrato, conforme os dispositivos dessa Lei.
Art. 2º. – Para os efeitos dessa Lei, entende-se como Bandas, Grupos e Músicos locais, todos os profissionais, liberais ou autônomos, que atuem na área musical e que tenha sua sede e/ou resida nesse município, com exceção feita aos filhos de Itaporanga.

Parágrafo Único - Terão direito, ao objeto dessa Lei, todos os itaporanguenses, mesmo, os que residam em outras localidades. 
Art. 3º. – Para cada festividade, a escolha das Bandas, Grupos ou Músicos locais, deverá ser feita através de sorteio, salve, se os recursos referente aos 30% (trinta por cento) der para contratar todas as Bandas, Grupos e Músicos que estiverem devidamente cadastrados.

§ 1º. – Para participar do sorteio, as Bandas, Grupos ou Músicos locais, terão que estar devidamente cadastrados na prefeitura e/ou órgão municipal competente.
§ 2º. – Para fins de cadastramento, o poder executivo municipal, divulgará, com antecedência, o dia, local e hora.
§ 3º. – Para fins do sorteio, o poder executivo municipal, divulgará, com antecedência, o dia, local e hora, que deverá acontecer em local aberto para o publico.
Art. 4º. - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação.

Art. 5º - Ficam revogadas as disposições em contrário. 

Paço Municipal, em 11 de setembro de 2010.

Herculano Pereira Sobrinho
Vereador

Homem é preso suspeito de amarrar e estuprar sobrinha de 7 anos em Campina Grande

Um homem de 62 anos foi preso na cidade de Campina Grande, no Agreste do estado, suspeito de amarrar e estuprar a própria sobrinha de 7 anos, conforme consta no Comando do Policiamento Regional I. A prisão foi feita no final da noite dessa quinta-feira (5), no bairro Catingueira.

Ainda segundo o relatório, o pai da criança chegou em casa e encontrou a filha com as pernas amarradas e a vítima relatou desesperada que o tio dela teria a estuprado.

O homem acionou a Polícia Militar e o suspeito foi preso dentro de casa por policiais da Rondas Táticas Metropolitana (Rotam) do 2º Batalhão de Polícia Militar.

O suspeito do crime foi levado para uma delegacia e transferido para a Central de Polícia Civil de Campina Grande onde está recolhido na carceragem. Ele deverá ser transferido para um dos presídios da rainha da Borborema. 

Hyldo Pereira

Grupo Tático Especial da Polícia Civil realiza operação em Santana de Mangueira

Operação foi nesta sexta e abrangeu cidade e zona rural


Por Redação da Folha - O município de Santana de Mangueira amanheceu nesta sexta-feira, 6, dia de feira livre na cidade, ocupado por agentes do Grupo Tático Especial (GTE), da Polícia Civil regional, coordenados pelos delegados Cristiano Santana e Leonardo Formiga.

Em busca de armas e outros ilícitos, os policiais ocuparam todas as vias de acesso à cidade e revistaram veículos, motoristas e motoqueiros. “O objetivo da operação foi também mostrar a presença do estado no município e garantir sensação de segurança à população, principalmente depois dos últimos acontecimentos”, comentou o delegado Cristiano Santana, ao informar que, durante o trabalho policial, foram apreendidas motocicletas que circulavam irregularmente.


O delegado e toda equipe policial também estiveram no sítio Boa Vista e adjacências, área rural onde ocorreu três homicídios no mês passado, à procura de mais informações sobre os crimes. “Estivemos, por exemplo, na residência do acusado, que está foragido, e colhemos alguns detalhes que vão ajudar nas investigações”, disse ainda dr. Cristiano, ao avaliar que a operação foi exitosa, e “as ações da Polícia Civil vão continuar para garantir a segurança do município e a punição de quem cometeu os crimes". Fotos: alguns momentos da operação polical e motos apreendidas.

Crime: pré-candidatos burlam a Justiça Eleitoral e fazem propaganda antecipada no Vale

Lei eleitoral veda esse tipo de conduta


Por Isaias Teixeira/Folha do Vale - A propaganda eleitoral deste ano só começa no próximo 6 de julho, mas, assim como em todo o país, no Vale ela já foi iniciada desde o ano passado, o que é considerado crime eleitoral. Em Itaporanga, por exemplo, maior colégio eleitoral da região, veículos circulam nas ruas da cidade com adesivos que sugerem pré-candidaturas.

Embora não sejam citados nomes dos pré-candidatos nos adesivos, a propaganda eleitoral antecipada é caracterizada porque é feita subliminarmente, ou seja, de forma disfarçada, quando a mensagem induz o eleitor a pensar no período eleitoral e no político que está sendo promovido pelo texto ou iconografia. Tanto o pré-candidato quanto o eleitor que cometer esse tipo de infração eleitoral poderá pagar multa que vai de R$ 5 mil a R$ 25 mil.

Em outras cidades da região, também circulam adesivos com propaganda antecipada de pré-candidatos às eleições deste ano, também sob a forma subliminar, mas ninguém ainda foi punido pela promoção irregular. Como a Justiça e o Ministério Público Eleitoral não têm pessoal suficiente para fiscalizar as propagandas antecipadas, o partido adversário poderá propor a denúncia aos dois órgãos.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a propaganda eleitoral divide-se em direta ou explícita e indireta ou implícita (disfarçada), conforme o art. 26, inciso II, da Lei n.º 9.504/97, segundo a qual “ainda que não exista expressão menção, a simulação e o contexto podem levar a penalização”.

A punição ao pré-candidato que faz campanha fora do tempo permitido é para que ele não tenha vantagens sobre os demais postulantes ao cargo eletivo, “capazes de provocar um desequilíbrio no contexto eleitoral em gradiente aos demais concorrentes”, enfatiza o TSE.

TCE lista 625 fichas sujas que não poderão ser candidatos

O Tribunal de Contas do Estado do Paraíba (TCE-PB), por meio de sua Corregedoria, encaminhou ao Ministério Público Eleitoral, na manhã desta sexta-feira (06), os nomes de todos os agentes públicos com contas julgadas irregulares, no período de 5 de julho de 2006 a 05 de junho deste ano. Na lista constam 1.067 registros, com um total de 625 gestores públicos. Em alguns casos, os registros se referem a mais de uma prestação de contas reprovadas em diferentes exercícios financeiros.

Esse total de prestações de contas julgadas irregulares pelo Pleno do TCE inclui 250 prefeitos e ex-prefeitos, com 516 ocorrências de irregularidades; e outros 375 gestores, com 551 registros de irregularidades, entre presidentes de Câmaras Municipais, secretários, presidentes de Institutos de Previdências, e outros ordenadores de despesa.

De acordo com o corregedor do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, conselheiro Fernando Catão, as listas da 1ª e da 2ª Câmaras serão antecipadas para o próximo dia 10 de junho, a previsão era para o dia 17. Já no dia 5 de julho será encaminhada uma listagem complementar, levando em conta os processos julgados até aquela data, tanto pelo Tribunal Pleno, bem como, pelas Câmaras Deliberativas.

O conselheiro Fernando Catão informou que a lista dos gestores foi encaminhada ao procurador Regional Eleitoral, Rodolfo Alves Silva. As informações serão inseridas no Sistema de Contas Eleitoral do Ministério Público Federal (Sisconta Eleitoral), onde ficam cadastrados os gestores que tiveram apontadas irregularidades nas suas gestões.

Confira a lista encaminhada pela Corregedoria do TCE-PB ao Ministério Público Eleitoral no portal do TCE, www.tce.pb.gov.br no Link Contas Irregulares 2014.

Homem preso pela PM de Piancó se livra de flagrante por um fato inusitado. Vejam o que houve

Caso ocorreu nessa quinta-feira


Por Redação da Folha – Um piancoense chamado Lucineudo Soares Alexandre foi preso por policiais militares na noite da quarta-feira, 4, em Piancó, com uma espingarda e uma faca. Por falta de delegado na cidade piancoense, o preso foi levado na quinta-feira a Coremas para o flagrante ser procedido pelo delegado Roberto Barros, mas o acusado terminou sendo liberado sem autuação por um fato inusitado.

Dr. Roberto esclareceu que não lavrou o ato de prisão em flagrante do acusado porque, segundo o delegado, os policiais militares que efetuaram a prisão não compareceram à delegacia para serem ouvidos. “Como os policiais condutores do flagrante não compareceram à delegacia, eu não tinha elementos suficientes para proceder o flagrante”, comentou o delegado.

Segundo ainda dr. Roberto, o depoimento dos policiais condutores era fundamental para embasar o flagrante. Os policiais precisavam relatar todas as circunstâncias da prisão, como, por exemplo, se a arma foi apreendida com o homem ou estava em sua residência, e outras informações relacionadas à voz de prisão.

Bom foi para o acusado, que se livrou do flagrante, mas não está livre do processo. O delegado de Coremas encaminhou o caso para a delegacia de Piancó, a quem compete instaurar inquérito para apurar o caso.

Diamante ultrapassa Santana e Olho D’água e se torna o 5º maior colégio eleitoral do Vale

Município tem hoje um bom quantitativo eleitoral


Por Redação da Folha – O município de Diamante é hoje o 5º maior colégio eleitoral do Vale, com 5.665 eleitores aptos a votar no pleito de outubro vindouro. Essa posição foi alcançada nos últimos dois anos.

Diamante aumentou 14 eleitores nos últimos anos. O aumento eleitoral foi pequeno, mas importante, considerando que outros municípios perderam votantes, a exemplo de Olho D’água e Santana dos Garrotes, que superavam o eleitorado diamantense, mas foram ultrapassados, conforme apurou a Folhadovale-Online.

Olho D’água, por exemplo, perdeu 1.078 votantes nos últimos dois anos e seu eleitorado atual é de 5.593 votantes. Já o eleitorado de Santana dos Garrotes é hoje de 5.595. O município também perdeu eleitores por conta do recadastramento eleitoral de 2012.

Com a queda de Santana e Olho D’água, Diamante assumiu a 5ª posição no eleitorado regional, perdendo apenas para Itaporanga, Piancó, Conceição e Coremas. 

Humoristas do ‘Casseta & Planeta’ viram repórteres do Sportv

A programação especial de 24 horas ao vivo do Sportv na Copa do Mundo no Brasil contará com o reforço do grupo 'Casseta & Planeta'. Os humoristas Beto Silva, Cláudio Manoel, Hélio de La Peña, Hubert e Marcelo Madureira vão estar na equipe da emissora durante a cobertura do torneio. 

Humoristas atuarão como repórteres do Sportv durante a Copa (Imagem: Kiko Cabral/Divulgação)

Além de atuarem como repórteres, funções que desempenhavam no extinto programa da Rede Globo, os comediantes irão participar de várias atrações especiais que formam a programação especial do "canal campeão", inclusive os jornalísticos.

Trabalhar atrás de notícias não será novidade para os humoristas. A equipe tem experiência na cobertura de Copas do Mundo, tendo acompanhado de perto a conquista do tetra em 94, nos Estados Unidos, e a atuação da seleção brasileira em 2006, na Alemanha (torneio que não cobriram até o fim, devido ao falecimento de Bussunda, integrante do 'Casseta', em pleno mundial).  

De acordo com o Sportv, o quinteto também irá compor o elenco de ‘Extra-ordinários’, às 23h. A mesa-redonda relaciona a Copa à política e outros temas como cultura e humor, debatendo o que acontece dentro e fora dos campos.

Comunique-se

Juíza absolve réus da Confraria e Cícero diz que perdoou os que lhe acusaram injustamente

A juíza da 3ª Vara Federal da Paraíba, Cristina Garcez, julgou improcedente a denúncia do Ministério Público e mandou arquivar a ação referente a Operação Confraria, realizada em 2005, que apurava denúncias de desvio de verbas na Prefeitura de João Pessoa, na gestão do então prefeito Cícero Lucena – hoje senador pelo PSDB.

A juíza Cristina Garcez, proferiu sentença em ação penal inocentando Potengi Holanda de Lucena, Evandro de Almeida Fernandes, Marcelo José Queiroga Maciel, Sylvio Britto dos Santos, Fábio Magno de Araújo Fernandes e Ricardo Moraes de Pessoa, réus na ação penal da Operação Confraria.

Segundo a advogada Fabíola Monteiro, a ação penal julgada improcedente é advinda de desmembramento de outra ação penal em tramitação no Supremo Tribunal Federal (STF).

Trata-se da ação de número 493, na qual figura como réu o senador Cícero Lucena, por ter foro privilegiado. Ao inocentar os réus na ação penal que tramitou na Justiça Federal da Paraíba, a juíza Cristina Garcez reconheceu que as cessões contratuais realizadas na gestão de Cícero Lucena, para a realização de obras de infraestrutura em João Pessoa, eram todas legais.

-Por mais doloroso que tenha sido nunca pedi a fé e a esperança que um dia a verdade venceria. Foi a minha fé que me sustentou, pois nove anos não são nove dias. Hoje, vivo o momento mais feliz da minha, pois essa decisão não resgata o político, mas sim o cidadão, o homem que é pai, avó, tio e amigo e que sofreu muito nesses últimos anos, disse Cícero.

O senador agradeceu o apoio dos seus familiares e amigos durante todo o processo. “De coração quero revelar que esperamos em Deus com paciência e resignação e esse dia chegou! A verdade apareceu e eu quero dizer que perdoo todos aqueles que direta ou indiretamente contribuíram com esse episódio, digo isso de coração”, revelou Lucena.

A advogada Fabíola Monteiro prosseguiu afirmando que a sentença da juíza da 3ª Vara Federal analisou a legalidade das cessões, ponderando que, até 24 de abril de 2002, o TCU entendia que era procedimento legal. Ela acolheu, assim, a tese defensiva invocada pela defesa de Cícero de Lucena Filho.

“O TCU somente tomou posição contrária às cessões contratuais em 24.04.2002, momento posterior às cessões entre a Coesa e Cojuda e Coesa e a Plena. Com efeito, em 24.04.2002 foi realizada sessão plenária do TCU que acarretou na fixação de entendimento acerca do assunto consubstanciada na decisão n.º 420/2002, publicada no DOU em 10.05.2002. Pelo teor da decisão n.º 420/2002, se depreende que esta foi a primeira vez que o TCU rejeitou a interpretação literal da legislação, por compreender que ela vinha acarretando a nefasta prática de cessões contratuais para fuga de licitações, razão pela qual se preconizou uma nova abordagem interpretativa”, afirma a juíza.

E acrescenta: “Em resumo, não há consenso doutrinário sobre a validade das sub-rogações em contratos administrativos. Não há, até hoje, jurisprudência sobre o tema, o que se dirá há mais de dez anos atrás. E o TCU, na época das duas primeiras (09/2001) sub-rogações discutidas nestes autos, já havia chancelado a legalidade de algumas sub-rogações, sendo que somente a partir de 05/2002 foi publicado o posicionamento da Corte de Contas em sentido contrário”.

De acordo com a magistrada, “partindo-se da premissa de que até 05/2002 a sub-rogação era admitida pelo TCU, ela poderia ser legitimamente tolerada na situação hipotética em que a (construtora) Coesa, ainda vinculada contratualmente ao Município de João Pessoa, não tivesse, por motivos supervenientes à contratação, condições de continuar a executar a obra; dessa forma, para se evitar paralisações na obra em prejuízo da coletividade, admitir-se-ia a sub-rogação do contrato, mantidas as condições originais”. A sentença registra que as condutas de prorrogar o contrato de empreitada n.º 03/92, e de cedê-lo parcialmente, alterando a parte contratada da relação contratual originalmente estabelecida, “não sofreram qualquer reproche por parte das entidades responsável pelos repasses dos recursos públicos federais: União, Caixa econômica e Embratur”. A sentença confirmou a validade do contrato.

Tião Lucena

Aplicação insuficiente em educação reprova contas de Mongeiro


Aplicações em Manutenção e Desenvolvimento do Ensino  (MDE) em valores abaixo do limite mínimo constitucional, não recolhimento de contribuições previdenciárias e despesas sem licitação ocasionaram a reprovação, nesta quarta-feira (4), pelo Tribunal de Contas da Paraíba, às contas de 2012 do prefeito de Mongeiro, Antonio José Ferreira, conforme proposta do relator Renato Sérgio Santiago Melo. Ainda cabe recurso dessa decisão.
Tiveram suas contas aprovadas os ex-prefeitos de Curral Velho (Luiz Alves Barbosa, exercício de 2011, em grau de recurso) e Pilõezinhos (Geraldo Mendes da Silva Junior, 2012). Também, o prefeito atual de Vista Serrana (Jurandy Araújo da Silva, 2012), com louvores do relator Nominando Diniz.

Houve aprovação, ainda, às contas das Câmaras Municipais de Água Branca (exercício de 2011, com ressalvas), Quixaba (2012), Santa Luzia (2012), Riacho de Santo Antonio (2012, com ressalvas) e Olivedos (2012, também, com ressalvas). O TCE aprovou, além dessas, as contas de 2012 do Instituto de Desenvolvimento Municipal e Estadual (Ideme).

Os processos constantes da pauta de julgamento representavam movimentação de recursos da ordem de R$ 268.456.887,54. Presidida pelo conselheiro Fábio Nogueira, a sessão plenária teve as participações dos também conselheiros Arnóbio Viana, Umberto Porto, Fernando Catão, André Carlo Torres Pontes e Nominando Diniz. Ainda, as dos auditores Marco Costa, Antonio Cláudio Silva Santos, Antonio Gomes Vieira Filho, Oscar Mamede e Renato Sérgio Santiago Melo. O Ministério Público esteve representado pela procuradora Isabella Barbosa Marinho Falcão.

Tião Lucena

Hospital Infantil de Patos investigará se morte de criança foi erro médico

O diretor do Hospital Infantil Noaldo Leite, em Patos, Dr. Érico Djan abrirá procedimento administrativo através de sindicância para apurar a morte de uma criança de 6 anos, ocorrida no último domingo (1).

Ela deu entrada na unidade de saúde se queixando de falta de ar e dores na garganta, o que fez com que a equipe médica interpretasse o caso como uma possível gripe.

A criança já havia sido operada de glaucoma quando tinha cerca de dois anos. 

Desde essa época, os familiares já sabiam quais tipos de medicamentos não poderiam ser utilizados nela, por motivo de alergia. Segundo eles, apesar das recomendações feitas à equipe hospitalar, as substâncias desaconselhadas foram ministradas na criança, causando, posteriormente, uma parada cardiorrespiratória e ocasionando a morte da mesma.

Por esse descumprimento dos procedimentos indicados, a família aponta o caso como uma ocorrência de erro médico. Este é o segundo caso de suspeitas desse tipo no estado da Paraíba em menos de uma semana. O outro registro foi feito no Hospital do Valentina, na Capital, onde uma criança de 11 anos veio a falecer. O acontecimento trágico já foi levado ao conhecimento do Ministério Público Estadual (MPE) para que sejam feitas as devidas apurações.

Em pronunciamento oficial, o diretor Érico Djan se compadeceu da dor da família e traçou diretrizes para averiguações: “Nós lamentamos o falecimento da criança e prestamos nossa solidariedade aos seus familiares diante de uma perda irreparável. O mínimo que podemos fazer diante de tal fato é instaurar um procedimento administrativo para que o fato seja apurado e a verdade seja plenamente restabelecida. O nosso hospital atende mais de 60 municípios. São atendidas diariamente nesta unidade mais de 200 crianças, incluindo atendimento em várias especialidades e com UTI equipada, sempre se preocupando com um atendimento humanizado e de qualidade. O fato acorrido será apurado com toda a seriedade que merece”, relatou.

Portal Correio

Discussão de crianças termina em confusão e briga entre pais no Sal e Brasa, em JP

Pais e familiares exaltados discutiram pesado. Apesar da confusão, seguranças e garçons não afastaram os envolvidos no tumulto.


Uma simples discussão entre crianças terminou em uma grande confusão no Restaurante Sal e Brasa, localizado no bairro do Bessa, em João Pessoa. O fato ocorreu na noite desta quarta-feira (6). Os pais dos menores começaram a discutir após o desentendimento dos pequenos e o fato gerou uma confusão enorme, com gritos, empurrões e tentativas de agressão por parte dos envolvidos.

Segundo informações de testemunhas, que pediram para não se identificar, o ato ocorreu após as crianças discutirem no parquinho do Restaurante. Uma mulher, mais exaltada, foi pegar a sobrinha, que estava no meio, e teria discutido mais asperamente com outra criança. O fato revoltou a mãe, que foi tomar satisfação na mesa ao lado.

Apesar do tumulto, a gerência, os garçons e os seguranças do Restaurante Sal e Brasa não se manifestaram, comprometendo, inclusive, a segurança dos demais clientes, crianças e idosos que não tinham nada a ver com aquilo.

“Isso é claro. O restaurante não está preparado para gerenciar crises e manter os clientes seguros”, ponderou uma senhora que estava no local.

As imagens da confusão foram gravadas e espalhadas para várias pessoas e grupos de conversa, por meio do aplicativo de telefone celular WhatsApp.

Confira abaixo as imagens da confusão: