sexta-feira, 7 de outubro de 2011

domingo, 2 de outubro de 2011

CONVERSANDO COM AMIGOS "VIRTUAIS"




Conversando Com Amigos “Virtuais”

(Reynollds Augusto)



               O inteligente escritor Coremense, Pedro Severino, em seus escritos usa uma frase que concordo plenamente: “Estamos em uma Aldeia Global”. E é verdade, a tecnologia, o progresso fez com que mundo ficasse “pequeno” e os nossos alcances, ficaram maiores.

             Depois da maravilha da computação e da rede mundial de computadores, parece que ficamos vizinhos um do outro. Hoje eu converso mais com pessoas que moram, por exemplo, no Japão, do que com os meus próprios vizinhos.

             Recebi um presente de um amigo virtual que reside no Japão, que se chama Daniel, um CD com muitas músicas espíritas, feitas por ele e enviadas pelos Correios. O “Ôme” é um missionário para levar a uma cultura fechada as idéias espíritas em um país “estranho”. Estamos em uma verdadeira aldeia global. Vez por outra tenho notícias do meu primo Deon, rapaz inteligente, e faz tempo que não o vejo e agora, pela internet, parecemos mais próximo. Quando todo esse instrumental estiver à disposição da humanidade para a feitura do bem, o “céu” terá vindo a Terra. E isso vai acontecer, pois Deus quer, é lei, e ninguém deterá.

               Isso é a força do progresso a que somos submetidos e o progresso é lei de Deus. Somos impulsionados a evoluir e as ocorrências sociais não são nada mais, nada menos, do que esse impulso. Deus aproveita até os erros do ser humano, para tirá-lo da estagnação. O progresso moral decorre do progresso intelectual, mas nem sempre o acompanha quem diz isso são os espíritos que responderam ao professor Kardec. Você pode até embaraçá-lo, mais jamais vai detê-lo. Há uma jurisdição divina silenciosa, mas implacável e justa, pois você responde por tudo o que pensa e faz. Afinal, as leis de Deus estão na consciência de cada criatura e é ela o Código Divino. A maior regulação da Vida chama-se Lei de Causa e Efeito. Tem gente pensando que Deus fica observando a vida de cada um, para depois castigá-lo ou não dando-lhe um céu de beatitudes, que não existe, ou um inferno de sofrimento, que também não existe. Todos são estados consciênciais. Não são lugares geográficos.

             É claro que na esfera espiritual, quando nos despojarmos do corpo físico, coisa que está acontecendo a todo instante, você, individualidade pensante, irá para um lugar bom ou ruim de acordo com o seu estado pessoal. Isso é certo. Mas nunca eternamente, pois o progresso faz com que o homem “ande para frente”, quer queira ou não e Jesus, um dos um dos espíritos mais evoluídos que aqui esteve já asseverou “nenhuma só das ovelhas do meu Pai se perderá”. Tem jeito não, “bichim”, ou você vai ser bom, honesto, verdadeiro... por “bem”, consciência; ou por “mal”, conseqüência. Mas um dia você chegará lá, pois o progresso é lei de Deus.

             Mas eu estou divagando, muito. O que quero dizer é que devido a esse “estreitamento” do mundo, fiquei amigo de uma pessoa inteligente, que pensa diferente de mim, mas no fundo defendemos a mesma causa. Creio que posso declinar o seu nome, pois nem eu, nem você o conhecemos pessoalmente e ainda não sei nem de que região do Brasil ele é. O próximo contato eu digo a vocês, leitores.

             Estou me referindo ao IVANI. Um “ateu” confesso, mas que tem boas idéias. Alías tem ateu que na verdade crê mais em Deus do que os pseudo-religiosos, que enchem as igrejas da vida, mas vivem na hipocrisia de suas realidades e sequer saem por aí a ajudar a quem precisa, nesse mundo de injustiças. Rezam, rezam , gritam, choram, louvam a Deus com, uma histeria que dá dó, mas não movimenta um músculo para ajudar o semelhante. Quando o máximo ajudam um irmão que professa a sua fé. E olha lá.

            Mas chegará um dia em que adoraremos a Deus em Espírito e verdade, como disse Jesus e nada de fórmulas, meios e tudo mais. A ligação será direta, razão e sentimento e o mais importante, comportamento.

           Mas os meus debates com Ivan são interessantes e no fundo sinto que ele crê em uma causa, pois sabe que o nada não cria nada, pois o nada não existe. O que ele tem ojeriza é exatamente do “deus” das religiões, que serve para satisfazer as loucuras de seus adeptos, a pretexto de milagres , que não existe, escravizando muitos religiosos a idéias irracionais que dista o religioso do verdadeiro “Deus” que é a causa, causal de tudo. Eu acho que Ivan está mais ligado a essa causa cósmica, do que muitos religiosos que “vendem” um “deus” imaginário.

                Cuidado meu amigo, a sua religião pode estar fazendo com que você fique mais distante de Deus.


            Mas esse artigo está ficando grande demais e vou terminar por aqui.                                    
           No próximo contato com meu novo amigo IVANI, perguntarei a ele se posso publicar os nossos “bates papos”, para você se interar das suas idéias, nesse mundo plural, democrático e feliz.


PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO.


Versos Íntimos - Augusto Dos Anjos E a Música De Gustavo Magno

Versos Íntimos - Augusto Dos Anjos E a Música De Gustavo Magno.